Correio de Carajás

Vereadores de Marabá terão primeira sessão na Câmara nesta terça

O presidente da Câmara, Pedrinho, durante entrevista ontem à Correio FM
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Em visita a rádio Correio FM na tarde desta segunda-feira (22) o presidente da Câmara Municipal de Marabá (CMM), Pedro Corrêa Lima, repercutiu a retomada dos trabalhos de plenário da Casa de leis e abordou assuntos relevantes que serão debatidos pelos vereadores ao longo do ano de 2021. Entre os assuntos pautados, estão temas como: derrocamento do pedral do Lourenço, construção das pontes sobre o rio Itacaiúnas e Tocantins, fortalecimento do distrito industrial, transportes por aplicativos e a problemática do transporte público da cidade.

O início das sessões presenciais no plenário inicia nesta terça (23), porém, o presidente afirma que os trabalhos dos vereadores iniciaram efetivamente no dia 2 de janeiro. Recentemente todos os 21 vereadores e seus assessores passaram por um treinamento, que é realizado todo início de legislatura na câmara. “Devido as grandes mudanças que aconteceram, principalmente da automação, todos os vereadores precisavam passar por essa qualificação”.

A primeira sessão é sempre marcada pela presença do prefeito municipal naquela que é tida como a mensagem do Poder Executivo ao Legislativo. Tião Miranda é esperado na Câmara para que exponha os projetos que serão executados no ano de 2021.

Leia mais:

Pedral do Lourenço

Tema muito recorrente em sessões no plenário, Pedro afirma que até hoje essa é um assunto que não se consegue resolver. Diante disso, a câmara irá pegar essa responsabilidade, buscando ajuda e informações junto ao Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) e pressionar o governo para que esse projeto venha a ser concluído no município.

Rio Tocantins

A ponte sobre o rio Tocantins será executada pela mineradora Vale e, de acordo com informações da empresa, o prazo para construção da ponte é de 5 anos. “A câmara por duas vezes conversou com a mineradora para esclarecimentos sobre a ponte, onde fomos informados que existem empecilhos que estão atrasando o andamento da obra, como algumas indenizações, de localidades ali próximo”.

Questionado sobre o temor que algumas famílias do entorno estão tendo, com medo de serem retiradas de suas casas, o vereador afirma que diante todos os projetos apresentados pela Vale até agora, nenhum mostra interferências na Folha 1. “Caso haja alguma intervenção, o poder legislativo e o executivo irão se manifestar, porque aquela área, já é consolidada”.

Rio Itacaiúnas

Uma parceria da Prefeitura Municipal de Marabá e do Governo do Estado foi feita para que seja executada a construção de uma ponte sobre o rio Itacaiúnas. De acordo com Pedro Corrêa, o empréstimo já foi autorizado e, acredita que, em função do movimento nos horários de pico e da grande necessidade de ter um outro ponto de acesso entre os núcleos Nova Marabá e Cidade Nova, esse deve ser um projeto prioritário da atual gestão.

“Por enquanto só foi feito um projeto básico, não temos ainda um projeto definitivo. Somente estudos. Acredito que agora, irão ser definidos os locais exatos da ponte”.

Acredito q na parceria entre prefeitura e governo, aí sim irão se definir os locais exatos de acesso entre nova marabá e cidade nova.

Distrito Industrial

Com o fechamento de muitas siderúrgicas em meados de 2018, o distrito industrial de Marabá, ficou funcionamento com praticamente uma empresa no local. De uns meses pra cá, algumas empresas estão retornando ao local. Com o papel social, a câmara municipal sabe da sua importância e, um dos desafios da casa, é a questão da empregabilidade.

“Recebemos diariamente pessoas em busca de emprego. Essa é uma necessidade emergente. Amanhã, inclusive, eu como presidente, irei levantar esse tema. Há dois anos recebi a visita da Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec), e conversamos sobre a necessidade de revitalizar o distrito, porém isso não aconteceu. Então, é hora da gente cobrar e, fazer com que o distrito industrial tenha esse papel de fomento, facilitando que as empresas que vem de fora, tenham por parte do poder público uma facilidade para se instalarem”.

Transporte por aplicativo

Com grande pressão por parte dos motoristas de aplicativo, cobrando que a lei passasse pelo debate na câmara municipal. A lei foi aprovada, porém os motoristas questionam que apenas veículos com placas de Marabá possam trabalhar. “Isso é inconstitucional e que não pode. Haverá novos debates para que possamos tomar a decisão que venha a atender os anseios da comunidade e dos motoristas de aplicativos. Temos esse papel, para que se busque uma conciliação e, que as decisões tomadas, sejam boas para todas as partes”.

Transporte coletivo

Se estendendo há anos, a problemática do transporte coletivo público no município é alvo de grandes protestos. O vereador afirmou em entrevista que o legislativo tem trabalhado no sentido de cobrar e fiscalizar a infraestrutura, para que as empresas de transporte público comecem a passar por todos os bairros.

“Uma das demandas é a questão do terminal de integração, que já está sendo construído e, tenho certeza, que vai ajudar bastante, porém não é o suficiente. Na minha opinião, precisaríamos de mais dois terminais no município”.

Pedro afirmou também, que a concorrência atual, como uber, taxi-lotação, mototáxis entre outros, dificultam a atual empresa de fazer um investimento melhor em seus veículos. (Ana Mangas)

Comentários

Mais

Governo federal entrega milhares de títulos agrários em Marabá

Governo federal entrega milhares de títulos agrários em Marabá

Mais de 50 mil documentos de titularidade de terra, entre definitivos e provisórios, foram conferidos a famílias assentadas e ocupantes…
Bolsonaro inaugura trecho da BR-230 e sobrevoa  o Pedral do Lourenço

Bolsonaro inaugura trecho da BR-230 e sobrevoa o Pedral do Lourenço

A segunda agenda do presidente da presidente da República Jair Bolsonaro na região nesta sexta-feira (18) foi à margem da…
Brasil aplica mais de 2,56 milhões de doses de vacina em 24 horas

Brasil aplica mais de 2,56 milhões de doses de vacina em 24 horas

O Brasil estabeleceu um novo recorde nesta quinta-feira (17) ao aplicar 2.561.553 doses de vacinas contra a covid-19 em 24…
Queiroga, Pazuello e Araújo estão entre os 14 investigados da CPI da Covid

Queiroga, Pazuello e Araújo estão entre os 14 investigados da CPI da Covid

O relator da CPI da Covid, senador Renan Calheiros (MDB-AL), anunciou nesta sexta-feira a lista com 14 pessoas que passam a ser investigadas…
Em Marabá, Bolsonaro cumprimenta apoiadores no Aeroporto e Parque de Exposições

Em Marabá, Bolsonaro cumprimenta apoiadores no Aeroporto e Parque de Exposições

O presidente da República Jair Messias Bolsonaro (sem partido) chegou a Marabá às 11 horas desta sexta-feira, 18 de junho,…
Guedes: sobras da classe média poderiam alimentar pobres

Guedes: sobras da classe média poderiam alimentar pobres

Oministro Paulo Guedes (Economia) defendeu nesta quinta-feira (17) que sobras de restaurantes sejam destinadas a mendigos e pessoas fragilizadas, de…