Correio de Carajás

Vale abre 95 vagas em Canaã, Parauapebas, Marabá, Curionópolis e Ourilândia

Sarah Lopes, aqui fotografada antes da pandemia, é engenheira civil e atua na gestão de contratos em Carajás

PROFISSIONAIS COM DEFICIÊNCIA

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

As oportunidades são para cerca de 200 cargos administrativos e operacionais em quatro Estados. Serão aceitas inscrições feitas até 14 de maio pelo site da Vale ou por meio do perfil da mineradora no LinkedIn

A Vale abriu processo seletivo com cerca de 200 vagas para profissionais com deficiência. Há oportunidades para diversos cargos, em áreas operacionais e administrativas, incluindo o trabalho remoto. A seleção voltada para profissionais com deficiência faz parte do movimento da empresa de se tornar mais inclusiva e ampliar a diversidade.

As oportunidades presenciais (em que não será possível o trabalho remoto) estão distribuídas nos estados do Pará, Maranhão, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Em terras paraense, há 95 vagas que abrangem os municípios de Canaã dos Carajás, Parauapebas, Marabá, Curionópolis e Ourilândia do Norte. As inscrições devem ser feitas em www.vale.com/oportunidades ou pelo perfil da empresa no LinkedIn até 14 de maio.

No site da Vale, o candidato poderá verificar qual vaga está mais alinhada ao seu perfil, realizar a inscrição e participar do processo seletivo 100% online. A avaliação de cada candidato acontecerá durante todas as etapas do processo seletivo, conforme modelo global de recrutamento, iniciando pela análise de enquadramento.

Leia mais:

“Estamos em uma jornada de transformação e acreditamos que a evolução da Vale exige contribuições de múltiplas perspectivas e experiências. Somos uma empresa feita por pessoas e para pessoas e atrair talentos diversos é fundamental para que possamos inovar e construir uma companhia cada vez mais sustentável”, explica Mira Noronha, gerente global de Atração de Talentos da Vale.

Evoluindo juntos

A evolução conjunta, movida pelas pessoas que fazem a Vale, está presente na trajetória de Sarah Lopes, que trabalha em Carajás, na cidade de Parauapebas, sudeste do Pará, mas está em regime de home office devido à pandemia. Formada em Engenharia Civil, ela integra a equipe de Gestão e Contratos do negócio de Metais Básicos desde dezembro de 2019, e sua presença estimulou uma mudança no olhar dos colegas sobre as pessoas com deficiência.

“O sonho de entrar na Vale e fazer parte de uma empresa global sempre existiu. E aos 25 anos isso foi possível. Vivo e desfruto desse sonho a cada dia”, conta. Sua presença também tem provocado mudanças comportamentais entre os empregados. “Fui muito bem acolhida pela minha equipe e melhor, fui motivada a ter um olhar crítico, para que pudéssemos levantar todos os pontos de melhorias e com isso contribuir em fazer da Vale um lugar realmente acessível a todos”, explica.

Na Vale desde 2014, o psicólogo Rafael Souza é analista de Recursos Humanos e lembra de, no início, ter que explicar para os colegas que precisava levantar com frequência para não sentir dor. Ele sofreu um acidente quando tinha 15 anos e, como sequela, teve um encurtamento na perna esquerda que trouxe dificuldade de locomoção. “Minha presença e o diálogo ajudaram a mudar a visão dos colegas”, lembra.

Ele já fez diversas movimentações de carreira, trabalhando em diferentes áreas da Diretoria de Pessoas e, além de estar sempre atento às oportunidades, acredita que o diálogo aberto e transparente com os gestores foi fundamental para seu crescimento. E dá uma dica para os que ainda não se sentem protagonistas das suas carreiras: “Temos que dar a direção que queremos para nossa carreira e podemos crescer demonstrando habilidade, maturidade, comportamento adequado e entregas profissionais”. (Divulgação/Vale)

Serviço

Seleção com foco em profissionais com deficiência

Período: até 14 de maio

Inscrições: www.vale.com/oportunidades ou no perfil da Vale no LinkedIn – https://www.linkedin.com/company/vale

Comentários

Mais

Caminhão a serviço do Dnit derruba tanque e VP-8 é parcialmente bloqueada

Caminhão a serviço do Dnit derruba tanque e VP-8 é parcialmente bloqueada

Uma das rotatórias da avenida VP-8 da nova Marabá estava parcialmente isolada nesta manhã de domingo (20), bem perto da…
Presidente do Incra exalta reforma agrária

Presidente do Incra exalta reforma agrária

Presidente do Incra exalta reforma agrária Em seu discurso no evento em Marabá, o presidente do Incra, Geraldo Melo Filho,…
Começa hoje a vacinação da  população sem prioridade

Começa hoje a vacinação da população sem prioridade

Um mutirão de dois dias vai marcar o momento tão esperado pelos marabaenses: o início da vacinação contra a covid-19…
Dose extra de vacina é insuficiente para imunizar a população

Dose extra de vacina é insuficiente para imunizar a população

A Secretaria Municipal de Saúde de Canaã dos Carajás recebeu do Governo do Estado 3.140 doses de vacina contra o…
Venezuelanos acampados em praça recebem ‘ultimato’

Venezuelanos acampados em praça recebem ‘ultimato’

A administração pública de Parauapebas trabalha para resolver a situação dos indígenas venezuelanos da etnia Warao, que estão acampados há…
Tião Miranda pede que Bolsonaro ajude a duplicar 3 rodovias em Marabá

Tião Miranda pede que Bolsonaro ajude a duplicar 3 rodovias em Marabá

Logo após a execução do Hino Nacional, no Parque de Exposições, nesta sexta-feira, dia 18, o prefeito de Marabá, Tião…