Correio de Carajás

Tóquio: Carol Santiago fatura ouro e Gabriel Bandeira prata na natação

Foto: Alê Cabral

Os brasileiros já subiram sete vezes ao pódio nesta Paralimpíada

A natação brasileira começou esta terça-feira (31) com duas medalhas, ouro e prata, na Palimpíada de Tóquio (Japão). A pernambucana Maria Carolina Santiago garantiu o ouro na prova de 100 metros livre da classe S12 (deficiência visual), com o tempo de 59s01. Esta foi a terceira medalha da nordestina em Tóquio 2020. Ela já havia garantido o ouro nos 50 metros livre S13 (deficiência visual) e o bronze nos 100 metros costa S12 (deficiência visual), no Centro Aquático de Tóquio, na capital japonesa. 

Já a medalha de prata brasileira veio com o paulista Gabriel Bandeira nos 200m medley SM14 (deficiência intelectual), ao completar a prova em  2mim09s56. O brasileiro agora soma quatro medalhas na Tóquio 2020, pois já conquistou um ouro nos 100m borboleta (S14), uma prata nos 200 metros livre (S14) e um bronze no revezamento 4x100m misto (S14).

Pódios

Na prova dos 100 metros livre da classe S12 (deficiência visual), Maria Carolina Santiago dividiu o pódio com Daria Pikalova, do Comitê Paralímpico Russo, que levou medalha de prata com o tempo de 59s13. Já a britânica Hannah Hussel foi a terceira colocada, batendo a marca de 1min00s25. Nesta disputa também tivemos outra brasileira na água, Lucilene da Silva Sousa terminou a prova na sexta posição, com o tempo de 1min02s42.

À frente de Gabriel Bandeira nos 200 medley (SM14) ficou apenas o britânico Reece Dunn, que bateu o recorde mundial com o tempo de 2min08s02. Já o ucraniano Vasyl Krainyk garantiu o bronze, tendo obtido 2min09s92.

Outros resultados

O carioca Caio Amorim também caiu na água para disputar a prova dos 400m livre da classe S8 (deficiência físico-motora) e ficou em sexto lugar, com o tempo de 2min16s90.

Já a mineira Patricia Pereira dos Santos ficou próxima do pódio nos 50m peito da classe S3 (deficiência físico-motora). Na quarta colocação, ela fez o tempo de 1min01s60, ficando a 22 centésimos da mexicana Nely Miranda Herrera, terceira colocada, que concluiu a disputa em 1min01s60. (Agência Brasil)

Comentários

Mais

Neymar é comunicado pelo PSG de que não está mais nos planos do clube

Neymar é comunicado pelo PSG de que não está mais nos planos do clube

Uma bomba sacudiu o noticiário do futebol internacional nesta terça-feira. Segundo o jornal El País, o Paris Saint-Germain comunicou Neymar…
Hamilton alfineta Piquet por fala racista e reposta fã: "Quem é Nelson Piquet?"

Hamilton alfineta Piquet por fala racista e reposta fã: "Quem é Nelson Piquet?"

Pouco depois das notas de repúdio da F1, FIA (Federação Internacional do Automobilismo), Mercedes e Ferrari ao termo racista usado…
Ana Marcela Cunha é bicampeã mundial dos 5km

Ana Marcela Cunha é bicampeã mundial dos 5km

Ana Marcela Cunha conquistou, nesta segunda-feira, a medalha de ouro na prova dos 5km das águas abertas do Campeonato Mundial,…
Jogos vão movimentar a Praia do Tucunaré

Jogos vão movimentar a Praia do Tucunaré

A Prefeitura de Marabá divulgou a programação dos Jogos de Verão 2022 que acontecerão durante o mês de julho. As…
Gabriel Medina é eliminado em etapa do Rio e dá adeus à briga pelo tetra

Gabriel Medina é eliminado em etapa do Rio e dá adeus à briga pelo tetra

Gabriel Medina chegou a Saquarema precisando de um verdadeiro milagre para seguir com chances de disputar o WSL Finals, em setembro.…
Federação proíbe americana que desmaiou na água de disputar final por equipes

Federação proíbe americana que desmaiou na água de disputar final por equipes

A Federação Internacional de Natação (Fina) comunicou na manhã desta sexta-feira (24) à equipe de nado sincronizado dos Estados Unidos…