Correio de Carajás

Tarado é preso por invadir casa de idosa 2 vezes para roubar e tentar relações sexuais

Antônio Francisco estava encapuzado, porém, a idosa removeu a máscara e o reconheceu / Foto: Screenshot / Ronaldo Modesto
Antônio Francisco estava encapuzado, porém, a idosa removeu a máscara e o reconheceu / Foto: Screenshot / Ronaldo Modesto
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Antônio Francisco Leal Júnior, de 20 anos de idade, foi parar na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil por ter invadido, duas vezes na mesma noite, a residência de uma idosa de 69 anos, no Bairro Novo Horizonte, em Parauapebas, por volta das 2h30 deste domingo (7). A vítima havia reconhecido o criminoso após remover a máscara que ele usava. O rapaz ainda teria proposto ter relações sexuais com a idosa.

A Reportagem do Portal Correio entrevistou a vítima, com exclusividade, que preferiu não se identificar. Ela conta que acordou com Júnior invadindo seu quarto, vindo a acordá-la.

“Ele abriu o telhado da minha casa, entrou no quarto de visitas e procurou por objetos para roubar. Acredito que estava atrás da televisão, mas o aparelho ficava no meu quarto, onde eu dormia. Quando ele entrou, eu acabei acordando e, então, saiu”, relata a idosa.

Leia mais:

A vítima perseguiu Antônio até a sala, onde ele abaixou as calças e mostrou seu órgão genital, dizendo “e aí, vamos ficar?”, conforme ela narrou. Nesse momento, a mulher partiu para cima dele e retirou a máscara, reconhecendo-o.

“Eu disse ‘Júnior, eu te conheço há tanto tempo, você vem aqui na minha casa, te ofereço comida, já ofereci um serviço para capinar meu quintal, lhe paguei e você faz isso’. Ele, na mesma hora, levantou as calças e pediu perdão”, descreveu a idosa.

 Ela expulsou Júnior de sua casa e ameaçou denunciá-lo se acontecesse de novo. Nesse momento, um vigilante passou de motocicleta, enquanto ambos estavam na frente da casa. “Fiquei com medo de gritar, pois ele [Júnior] estava com uma faca e poderia me ferir se eu reagisse”, disse.

A idosa conseguiu expulsar o invasor de sua residência, a trancou e voltou a dormir. Poucas horas depois, Antônio voltou a invadir a residência. “Aqui na minha casa, não”, disse a idosa para o criminoso, enquanto o expulsava pela segunda vez.

Devido à situação, a vítima decidiu ir até a delegacia para registrar um Boletim de Ocorrências sobre o caso. “Não pode ficar impune uma situação dessas”, reagiu.

Os agentes da Polícia Civil foram até a residência de Antônio, o capturaram e o conduziram até a Seccional para os procedimentos cabíveis. Segundo o delegado plantonista, ele responderá por invasão de domicílio. (Zeus Bandeira e Ronaldo Modesto)

Comentários

Mais

Motorista bêbado quase atropela agentes do DMTU, se rebarba e vai preso

Motorista bêbado quase atropela agentes do DMTU, se rebarba e vai preso

De acordo com dados da Polícia Civil de Marabá, somente no domingo (20) quatro pessoas foram autuadas por dirigirem embriagadas…
Bandidos invadem casa e morador é esfaqueado no pescoço

Bandidos invadem casa e morador é esfaqueado no pescoço

Na noite da última sexta-feira, 18, dois homens invadiram uma casa do Residencial Morumbi, Núcleo Nova Marabá, em Marabá. Ao…
Tio ameaça sobrinha de morte e vai parar na delegacia

Tio ameaça sobrinha de morte e vai parar na delegacia

Por volta de 1 hora da manhã de sábado (19) a Polícia Militar de Marabá foi acionada para averiguar uma…
Acidente vitima fatalmente “Mudinho do Som Automotivo”

Acidente vitima fatalmente “Mudinho do Som Automotivo”

Em acidente registrado na noite deste domingo (20) morreu Antônio Ribeiro Santos, de 36 anos, mais conhecido como “Mudinho do…
Briga de bar deixa quatro esfaqueados pela mesma pessoa. Dois morreram

Briga de bar deixa quatro esfaqueados pela mesma pessoa. Dois morreram

A Polícia Civil tenta identificar o responsável por esfaquear quatro jovens, levando dois à morte, no início da madrugada de…
PC prende suspeito com 27 mil reais oriundos de sequestro e roubo no Banpará

PC prende suspeito com 27 mil reais oriundos de sequestro e roubo no Banpará

  Igor Silva Pereira, de 26 anos de idade, é apontado pela investigação da Polícia Civil como peça importante na…