Correio de Carajás

Reunião discute andamento de escola militar em Marabá

Foto: reprodução
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Para tratar sobre a situação da Escola Militar CM Rio Tocantins (CAIC), localizada em Marabá, e a questão da gestão militar da instituição, os promotores de Justiça Mayanna Silva de Queiroz e Samuel Furtado Sobral, realizaram reunião, no último dia 21, no município.

A promotora Mayanna explicou que o objetivo da reunião era esclarecer acerca do processo de gestão militar implantada na escola CAIC. O representante da Polícia Militar (PM), coronel Carlos Emilio de Sousa Ferreira, diretor de Polícia Comunitária e Direitos Humanos da PMPA, realizou uma breve explanação acerca do modelo de intervenção em escolas por parte da polícia.

“A gestão administrativa da escola continua sob o comando da direção, ressaltando que será feito o acréscimo de disciplinas e métodos para fomentar nos alunos um comportamento moral e cívico que promova evolução pessoal e social dos mesmos. O projeto vem sendo bem recebido pelos alunos”, esclareceu o coronel Carlos Ferreira.

Leia mais:

O tenente coronel Leno Marcio Barros do Carmo, coordenador do projeto Colégio Militar da PMPA e Subdiretor de Polícia Comunitária e Direitos Humanos da PMPA, informou que a intenção é atender em torno de 25 mil pessoas, dentre alunos e familiares.

“Há ações sendo realizadas de sensibilização com os pais e também os docentes, bem como a realização de cursos voltados aos policiais que trabalharão no projeto. A autoridade policial será exercida fora de sala de aula, enfatizando que dentro da sala de aula a autoridade pertence ao professor”, disse o tenente coronel.

O oficial esclareceu ainda sobre o reforço na segurança da escola. “Haverá supervisão com vistas a valorizar os comportamentos positivos, com a aplicação de medalhas e elogios particulares para aqueles que alcançarem as metas estabelecidas, bem como coibir comportamentos negativos, ressaltando que o papel da polícia será na instrução do processo de apuração das infrações, sendo que caberá à direção a decisão final sobre qualquer sanção”.

O secretário municipal de Educação esclareceu que a decisão de implantar a escola militar em Marabá foi pensada e analisada, com base em dados e experiências vivenciadas em outros lugares do Brasil. A diretora da escola finalizou demonstrando satisfação com os resultados apresentados pela gestão militar na escola.

“A mudança no comportamento dos alunos permite uma atuação mais livre e efetiva da equipe pedagógica, que deixou de necessitar desprender tempo resolvendo problemas de indisciplina e se concentrando no desenvolvimento do projeto pedagógico propriamente dito”.

Compareceram na reunião representantes da Secretaria Municipal de Educação (Semed); da Escola CAIC; do Conselho Municipal de Educação; do Grupo técnico de Apoio Interdisciplinar do MP; da Polícia Militar do Estado do Pará; do Conselho Tutelar de Marabá; e da Guarda Municipal de Marabá.  (Ascom/MPPA)

 

Mais

Recém-nascido com doença rara é transferido de Marabá para Porto Alegre

Recém-nascido com doença rara é transferido de Marabá para Porto Alegre

O pequeno Enrico Ferro, de 22 dias, foi transferido de Marabá, sudeste do Pará, para Porto Alegre, no Rio Grande…
Correio FM e TV Correio têm programação especial no Dia das Mães

Correio FM e TV Correio têm programação especial no Dia das Mães

A manhã de sábado (8) foi comemorando um Dia das Mães antecipado, com gostinho de quero mais. “Foi só um…
Legado de Melquíades à educação de Marabá

Legado de Melquíades à educação de Marabá

A educação marabaense, nas últimas quatro décadas, recebe, de alguma forma, as digitais de Melquíades Justiniano da Silva. Esse baiano,…
Postagem que associa Doria e Lulinha na compra da Coronavac é falsa

Postagem que associa Doria e Lulinha na compra da Coronavac é falsa

 Leia mais: + Recém-nascido com doença rara é transferido de Marabá para Porto Alegre + Correio FM e TV Correio…
DMTU faz o lançamento do Movimento Maio Amarelo

DMTU faz o lançamento do Movimento Maio Amarelo

Com o objetivo de colocar em pauta o tema da segurança viária, o Movimento Maio Amarelo nasce com a proposta…
Dia 10 de maio marca a emancipação de oito municípios da região

Dia 10 de maio marca a emancipação de oito municípios da região

Esta segunda-feira, 10 de maio, será um feriado especial para muitas cidades do Pará. Mais precisamente para 15 municípios, que…