Correio de Carajás

Repórter Correio

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Linhão de Tucuruí

O diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), André Pepitone, informou que deverão ter início ainda neste ano as obras que permitirão a Roraima receber energia do Sistema Interligado Nacional (SIN). Pepitone deu a informação durante a audiência pública que discute, na Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados, o chamado Linhão de Tucuruí. A obra foi contratada por meio de leilão em 2011, e a conclusão estava prevista para 2015, o que acabou não ocorrendo.

Consulta

Leia mais:

A obra depende da finalização de um protocolo de consulta que está sendo feito junto à comunidade indígena da reserva Waimiri-Atroari, uma vez que as linhas de transmissão passam por 122 quilômetros desse território. Segundo Pepitone, a obra resultará em grandes lucros para o grupo que venceu a licitação – a Transporte Energia, consórcio formado pela Alupar e pela Eletronorte, que detêm, respectivamente 51% e 49% das cotas do empreendimento. O valor da obra é R$ 1,6 bilhão e o custo de óleo diesel para atender o estado de Roraima em 2020 ficou em R$1,3 bilhão.

Desembargadora

A desembargadora Edinéa Oliveira Tavares, do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, morreu, nesta quarta-feira (14), vítima de uma parada cardíaca. Ela estava internada em um hospital particular de Belém e enfrentava as complicações da Covid-19. De acordo com informações de pessoas próximas, ela estava em um leito clínico no hospital, conversando com um sobrinho, quando sofreu uma embolia pulmonar, o que acarretou em uma parada cardíaca. A equipe médica tentou reanimar a desembargadora, porém, ela não resistiu e faleceu.

Desembargadora II

Edinéa Oliveira Tavares ingressou na magistratura em 1985 e, ao longo da carreira, passou por diversas comarcas de relevância para o Estado como a de Vigia, Marabá, Santarém e Ananindeua. Antes de chegar à capital, assumiu o posto de direção em vários fóruns do interior do Estado. Também foi presidente do Tribunal do Júri e fez parte da Turma Recursal dos Juizados Especiais. Antes de ser eleita desembargadora, estava à frente da 5ª Vara da Fazenda Pública da capital. Edinéa Tavares chegou ao desembargo em 2014, após quase 29 anos de serviços prestados à magistratura paraense.

Covid no Pará

O Pará registrou, nesta quarta-feira (14), o total de 445.864 casos de Covid-19 e 11.555 mortes. De acordo com o boletim da Secretaria de Saúde Pública do Pará (Sespa), foram confirmados mais 2.673 casos de Covid-19 e 112 mortes. Nos últimos sete dias, foram confirmados 431 novos casos e 27 óbitos, além de 2.242 casos e 85 óbitos ocorridos em dias anteriores.

Covid no Pará II

O Pará possuía, até ontem, 415.459 recuperados, 76.686 casos descartados e 720 casos em análise. Em relação à ocupação de leitos na rede estadual, o Pará tem 60,15% dos 1.350 leitos clínicos e 80,52% dos 770 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) ocupados. Ou seja, estão disponíveis 812 leitos clínicos e 150 leitos de UTI. A Sespa informou que foram realizados 659.381 testes rápidos e 198.812 testes de PCR para Covid-19.

Repórter Correio

Covid no Pará Até esta sexta-feira, dia 7, de acordo com a Secretaria de Saúde Pública do Pará (Sespa), eram…

Covid em Marabá

Covid em Marabá Os leitos de UTI seguem com 100% de ocupação em Marabá, ou seja, 50 em 50 existentes.…

Repórter Correio

Enchente Embora lentamente, o nível do Rio Tocantins voltou a apresentar baixa e ontem estava em 8,34 metros acima do…

Repórter Correio

Covid no Pará O balanço da Secretaria de Saúde Pública do Pará (Sespa) divulgado nesta sexta-feira (30/4), sobre a covid-19…

Repórter Correio

Alok no Pará Tido como o DJ mais importante, conhecido e requisitado do mundo, o brasileiro Alok está no Pará.…

Repórter Correio

Triste estatística Ao longo do dia de ontem Parauapebas ultrapassou pela primeira vez Marabá no número de óbitos por covid-19:…