Correio de Carajás

Recém-nascido abandonado está bem e deve receber alta nesta segunda (16)

ATUALIZAÇÃO

O bebê segue em observação médica no HMI / Foto: Arquivo Correio
O bebê segue em observação médica no HMI / Foto: Arquivo Correio
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O recém-nascido que foi encontrado abandonado em uma lata de lixo na Folha 11, em Marabá, está bem e segue em observação médica no HMI (Hospital Materno Infantil de Marabá). Segundo a direção do hospital, trata-se de um menino. Ele não apresenta ferimentos.

O Correio de Carajás entrou em contato com o Conselho Tutelar da Nova Marabá – tendo em vista que o caso ocorreu neste núcleo – para obter mais detalhes da situação. Porém, o conselheiro tutelar, Edivaldo Santos, que está no plantão, informou que o caso não foi registrado oficialmente lá.

Bebê foi encontrado nesta lata de lixo na Folha 11 / Foto: Divulgação
Bebê foi encontrado nesta lata de lixo na Folha 11 / Foto: Divulgação

Edivaldo alegou ter tomado conhecimento do caso “por alto” e que, na verdade, a denuncia foi feita para o Conselho Tutelar da Cidade Nova, dando conta de que a criança abandonada estaria no HMI. “O conselheiro tutelar Jonas Lima é quem está cuidando do caso no momento”, acrescentou Edivaldo.

Leia mais:

Santos ainda explicou que na segunda-feira (16) o Conselho Tutelar da Cidade Nova deve comunicar oficialmente sobre o caso, para o órgão da Nova Marabá, para que, então, as providências sejam tomadas.

“Eu recebi informações do HMI de que o bebê está bem. Acredito que na segunda (16) ele deve receber alta e então ser encaminhado para o Serviço de Acolhimento de Crianças e Adolescentes Casa Lar”, disse Edivaldo.

O próximo passo, segundo o conselheiro tutelar, será comunicar oficialmente, dentro de 24 horas, o juízo da Infância e Juventude para homologação do caso. “O juiz estabelecerá um prazo máximo de 90 dias para que algum membro da família da criança se apresente”, explica Edivaldo.

Caso um membro familiar não se apresente dentro do prazo, o recém-nascido ficará disponível para adoção. Ainda segundo Santos, a Delegacia Especializada no Atendimento à Criança e ao Adolescente (Deaca) deve ser acionada para investigar o crime de abandono de incapaz. (Zeus Bandeira)

Comentários

Mais

Tailândia: Prefeito Macarrão sofre tentativa de homicídio

Tailândia: Prefeito Macarrão sofre tentativa de homicídio

O prefeito do Município de Tailândia, Paulo Liberte Jasper (Macarrão), de 70 anos, foi alvo de uma tentativa de homicídio…
Grávida de 8 meses morre atropelada por moto

Grávida de 8 meses morre atropelada por moto

Uma mulher grávida de oito meses foi atropelada por uma motocicleta na BR-158 e morreu no local. Luelma Cassiano de…
Mulher é assassinada e desovada no Distrito Industrial de Marabá

Mulher é assassinada e desovada no Distrito Industrial de Marabá

Na noite deste domingo (16), por volta das 20h, populares encontraram o corpo de Gracilene Melo de Araújo. Ela estava…
Curso de formação de PMs contará com 90 candidatos em Parauapebas

Curso de formação de PMs contará com 90 candidatos em Parauapebas

Em entrevista exclusiva ao Portal Correio de Carajás, o Major Daniel Brito, subtenente do 23º Batalhão da Polícia Militar (23º…
Homem é morto após registrar Ocorrência de roubo de moto

Homem é morto após registrar Ocorrência de roubo de moto

Um assassinato se registrou em Marabá por volta das 14h30 desta segunda-feira (17). O crime aconteceu nas proximidades da feira…
Um é morto e outro preso após assalto em bar no Bairro da Paz

Um é morto e outro preso após assalto em bar no Bairro da Paz

Um assalto a um bar do Bairro da Paz, em Parauapebas, resultou em seis pessoas, entre elas adolescentes, encaminhadas à…