Correio de Carajás

Polícias do Pará e Maranhão prendem acusado de assaltos a banco

Dinheiro apreendido com acusado de assalto a banco no Pará / Fotos: Divulgação
Dinheiro apreendido com acusado de assalto a banco no Pará / Fotos: Divulgação
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Em uma ação que envolveu policiais civis do Pará e do Maranhão, além de policiais militares da Regional de Imperatriz e integrantes do Centro Tático Aéreo Maranhão, foi preso na última sexta-feira, 17 de abril, Paulo Garcia da Rocha, conhecido no mundo do crime como “Velho Pernambuco”.

Ele é acusado de integrar o núcleo criminoso responsável por diversos roubos a instituições bancárias na modalidade “novo cangaço”, ocorridas no Pará nos anos de 2019 e 2020. Segundo a Polícia Civil do Pará, a última ação liderada pelo bando de “Velho Pernambuco” foi no dia 3 deste mês, em uma agência de São Domingos do Capim, nordeste do Estado.

Bananas de dinamite encontradas na casa de “Velho Pernambuco”

A operação que resultou na prisão do acusado foi divulgada ontem, domingo, 19, pela Polícia Civil do Pará. Segundo o foi divulgado, a prisão é resultado de intensas investigações realizadas pela Delegacia de Repressão a Roubos a Banco (DRRBA), vinculada à DRCO, em que foi possível identificar os dois explosivistas do bando.

Leia mais:

Os dois foram identificados como Simão Rocha Carvalho, conhecido como “Cabeludo”, morto em troca de tiros com a polícia na cidade de Dom Eliseu, logo após a última ação criminosa, e Paulo Garcia da Rocha. Ele também estava no veículo juntamente com Simão, em Dom Eliseu, no entanto, conseguiu fugir.

De acordo com o governo, o trabalho de inteligência permitiu identificar que Paulo estaria em uma das suas residências na cidade de Imperatriz, no Maranhão. Os policiais civis da DRRBA/DRCO – PA, em conjunto com policiais civis da Dcrif/Seic – MA, com apoio de policiais militares e policiais civis da Regional de Imperatriz, e integrantes do Centro Tático Aéreo (CTA/MA) conseguiram dar cumprimento aos mandados de busca e apreensão em diversas residências do acusado, bem como aos mandados de prisão preventiva expedidos por diversas comarcas do Pará em desfavor do suspeito.

Ao ser preso e interrogado, foi constatado que Paulo estava foragido do sistema penal paraense com o nome de José Eudes de Almeida e já possuía quatro condenações transitadas em julgado no Poder Judiciário paraense, pelos crimes de homicídio qualificado, latrocínio, roubo a instituições financeiras e porte ilegal de arma de fogo. Em diligência na residência do suspeito, foram encontradas diversas emulsões explosivas (bananas) de dinamite, espoletas, detonadores, grande quantidade de cordéis detonantes, “miguelitos” e a quantia de R$ 4.285 em valores roubados na última ação criminosa realizada em São Domingos do Capim. (Tina Santos)

Comentários

Mais

Homem é esfaqueado e tem orelhas arrancadas após beber cachaça

Homem é esfaqueado e tem orelhas arrancadas após beber cachaça

Um homem foi esfaqueado em um bar e teve as duas orelhas arrancadas neste domingo (20), na região da Marreca,…
Motorista bêbado quase atropela agentes do DMTU, se rebarba e vai preso

Motorista bêbado quase atropela agentes do DMTU, se rebarba e vai preso

De acordo com dados da Polícia Civil de Marabá, somente no domingo (20) quatro pessoas foram autuadas por dirigirem embriagadas…
Bandidos invadem casa e morador é esfaqueado no pescoço

Bandidos invadem casa e morador é esfaqueado no pescoço

Na noite da última sexta-feira, 18, dois homens invadiram uma casa do Residencial Morumbi, Núcleo Nova Marabá, em Marabá. Ao…
Tio ameaça sobrinha de morte e vai parar na delegacia

Tio ameaça sobrinha de morte e vai parar na delegacia

Por volta de 1 hora da manhã de sábado (19) a Polícia Militar de Marabá foi acionada para averiguar uma…
Acidente vitima fatalmente “Mudinho do Som Automotivo”

Acidente vitima fatalmente “Mudinho do Som Automotivo”

Em acidente registrado na noite deste domingo (20) morreu Antônio Ribeiro Santos, de 36 anos, mais conhecido como “Mudinho do…
Briga de bar deixa quatro esfaqueados pela mesma pessoa. Dois morreram

Briga de bar deixa quatro esfaqueados pela mesma pessoa. Dois morreram

A Polícia Civil tenta identificar o responsável por esfaquear quatro jovens, levando dois à morte, no início da madrugada de…