Correio de Carajás

Polícia fechará bares, mas Divisa mantém decreto municipal

Na tarde desta quinta, autoridades policiais explicaram a donos de bares e restaurantes sobre medidas do governo/Foto: Josseli Carvalho
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Muita dúvida foi gerada em Marabá desde que o governador Helder Barbalho anunciou a publicação de decreto proibindo o funcionamento de bares em todo o Pará como forma de conter o avanço do coronavírus, cuja nova variante (mais contagiosa) entra no Estado através de Manaus. A medida é mais rígida do que o decreto municipal anunciada na sexta-feira da semana passada, onde a prefeitura não proíbe a atividade, mas apenas limita o horário de funcionamento até meia-noite.

Na tarde de hoje, quinta-feira, dia 21, proprietários de bares e profissionais que atuam em atividade noturnas se reuniram em frente à sede da prefeitura de Marabá, com o superintendente regional de Polícia Civil, delegado Thiago Carneiro; e com o comandante do CPR-II – 2º Comando de Policiamento Regional, coronel Benedito Tobias Sabbá.

Durante a reunião, os representantes da lei deixaram claro que vão cumprir a ordem do governador, que é proibir o funcionamento dos bares e casas noturnas e que a fiscalização já se dará a partir da noite desta quinta-feira. Essa decisão já havia sido informada para o CORREIO, por telefone, pelo delegado e pelo coronel.

Leia mais:

DIVISA

Por outro lado, Daniel Soares Divisa, coordenador da Divisão de Vigilância Sanitária (Divisa), explicou que, por enquanto não há alteração do decreto municipal, de modo que a Vigilância mantém preocupação apenas com o horário de funcionamento dos estabelecimentos.

Daniel Soares explicou ainda que nesta sexta-feira (21) haverá uma reunião do comitê de crise para dirimir quaisquer divergências. Mas, extraoficialmente, o que se sabe é que o prefeito entende que a situação em Marabá é um pouco melhor do que outras regiões do Pará, como a Calha Norte, que faz fronteira com o Amazonas, por isso não haveria necessidade de seguir o decreto do Estado.

Malandragem

De acordo com o coronel Sabbá, existe um certo problema quanto a fiscalização em Marabá. O oficial observa que muitos bares de Marabá passaram, recentemente, a usar a denominação de restaurante para poderem se manter abertos, conseguindo assim fugir da fiscalização.

Mas, de acordo com ele, os locais onde a polícia identificar que existe apenas a atividade de bar serão fechados, ficando abertos apenas os restaurantes mesmo e até a meia-noite.

Reunião

Diante da situação, a Associação dos Bares, Casas Noturnas, Distribuidoras, Conveniências, Lanchonetes, Músicos e Artistas do Estado do Pará enviou um convite à imprensa local para uma coletiva na manhã desta sexta-feira, às 9h45, em uma pizzaria da cidade, para falar sobre a situação do setor, que estaria amargando prejuízos devido as últimas iniciativas do poder público, que tenta conter a retomada dos casos de covid-19 em Marabá, que tem hoje mais de 12,6 mil casos da doença e 253 mortes. (Chagas Filho)

Comentários

Mais

Instituto Cultural Vale: últimos dias de inscrições no Edital Apoia

Instituto Cultural Vale: últimos dias de inscrições no Edital Apoia

As inscrições de projetos no Edital Apoia vão até a próxima sexta-feira, 24. A seleção realizada pelo Instituto Cultural Vale…
Brasileiros são os que mais valorizam vacinação, mostra estudo

Brasileiros são os que mais valorizam vacinação, mostra estudo

O Brasil é o país que mais valoriza a imunização entre oito nações estudadas em um levantamento global feito pelas…
AQNO: CTA ganha embaixador informal, que fala abertamente sobre “posithividade”

AQNO: CTA ganha embaixador informal, que fala abertamente sobre “posithividade”

Chegar até aqui e falar abertamente sobre o HIV não foi um caminho fácil. As dificuldades, o medo, a insegurança,…
Butantan começa a negociar doses da CoronaVac com cinco estados

Butantan começa a negociar doses da CoronaVac com cinco estados

Após cumprir dois contratos que previam a entrega de 100 milhões de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde, o…
Sefa apreende 20 mil litros de diesel e 12 mil garrafas de cerveja

Sefa apreende 20 mil litros de diesel e 12 mil garrafas de cerveja

Fiscais da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa), da Unidade de Mercadorias em Trânsito de Carajás, no sudeste do Pará,…
Fiocruz recebe lote de IFA para produção de vacinas

Fiocruz recebe lote de IFA para produção de vacinas

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) recebeu mais uma remessa de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA). O lote chegou ao Aeroporto Internacional…