Correio de Carajás

Poeta marabaense vence prêmios nacionais de Literatura

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Outubro chega repleto de boas notícias para a classe artística marabaense, sobretudo, a classe dos literatos, pois, divulgados na noite de domingo (01), os resultados de mais dois importantes prêmios literários nacionais, o Prêmio Miau de Literatura 2017, categoria poesia e prosa, promovido pela Editora Costelas Felinas, sediada em São Vicente, São Paulo e o Prêmio da ABRAMES, promovido anualmente pela Academia Brasileira de Médicos Escritores, com sede no Rio de Janeiro e, que premia em várias categorias, entre elas: poesia, conto, crônica, ensaio e aldravia, ambos tiveram entre os autores premiados o poeta marabaense Airton Souza.

No Prêmio Miau de Literatura 2017, que contou com mais de 320 obras inscritas nas categorias poesia e prosa a qual a premiação será a publicação dos livros dos escritores vencedores do certame literário, o marabaense Airton Souza, através de seu livro de poemas inéditos intitulado “pragmatismo das flores” recebeu Menção Honrosa, na categoria livro completo de poesia. Já no Prêmio da Academia Brasileira de Letras de Médicos Escritores – ABRAMES, o conto “O fazedor de Borboletas”, que é um livro infantil inédito, ficou em Primeiro Lugar. Os dois prêmios receberam inscrições de vários países, entre eles, Moçambique, Portugal e Japão e premiou autores de várias regiões do país.

Com estas duas premiações o poeta Airton Souza já soma somente este ano dezesseis prêmios literários, entre os quais merece destaque: o Prêmio Maria José Maldonado de Literatura 2017 na categoria poesia; Prêmio Maravilha de Palavra, organizado pela Editora Litteris, Prêmio Carlos Drummond de Andrade, promovido pelo Sesc, de Brasília, o Prêmio Do Carmo, organizado pela Editora Do Carmo, de Brasília, o Prêmio Cruz e Sousa, também promovido pela Editora Do Carmo, seleccionado no Prêmio Poesia Livre 2017, venceu o I Prêmio Capt de Poesia, venceu nas categorías conto e poesia o 5º Prêmio SFX de Literatura, também em duas categorías esteve entre os escritores premiados no Prêmio Jovens que escrevem, organizado pela Editora A. R. Plubisher, de São Paulo e o seu livro infantil “Os dias dentro da saudade”, recebeu menção honrosa no Prêmio Letrinhas do Brasil, o XI Concurso Literário de Presidente Prudente, promovido pela Secretaria de Cultura de Presidente Prudente, de São Paulo, entre outros prêmios literários.

Leia mais:

“Querendo ou não, com esses prêmios nós vamos conseguindo colocar aos poucos a cidade de Marabá em uma importante rota literário, no país. Esses prêmios têm servido, sobretudo, para mostrar que no interior do país muitas pessoas estão produzindo literatura. Isso serve para nos motivarmos e continuar acreditando na literatura e na leitura como uma força propulsora de transformação social. São importantes prêmios literários e ver meu nome entre os vencedores é sempre uma emoção indescritível”, ressalta Airton Souza.

A entrega das premiações do Prêmio Miau de Literatura 2017 e do Prêmio da Academia Brasileira de Letras de Médicos Escritores -ABRAMES estão marcadas para acontecer ainda esse ano.

(Divulgação)

Outubro chega repleto de boas notícias para a classe artística marabaense, sobretudo, a classe dos literatos, pois, divulgados na noite de domingo (01), os resultados de mais dois importantes prêmios literários nacionais, o Prêmio Miau de Literatura 2017, categoria poesia e prosa, promovido pela Editora Costelas Felinas, sediada em São Vicente, São Paulo e o Prêmio da ABRAMES, promovido anualmente pela Academia Brasileira de Médicos Escritores, com sede no Rio de Janeiro e, que premia em várias categorias, entre elas: poesia, conto, crônica, ensaio e aldravia, ambos tiveram entre os autores premiados o poeta marabaense Airton Souza.

No Prêmio Miau de Literatura 2017, que contou com mais de 320 obras inscritas nas categorias poesia e prosa a qual a premiação será a publicação dos livros dos escritores vencedores do certame literário, o marabaense Airton Souza, através de seu livro de poemas inéditos intitulado “pragmatismo das flores” recebeu Menção Honrosa, na categoria livro completo de poesia. Já no Prêmio da Academia Brasileira de Letras de Médicos Escritores – ABRAMES, o conto “O fazedor de Borboletas”, que é um livro infantil inédito, ficou em Primeiro Lugar. Os dois prêmios receberam inscrições de vários países, entre eles, Moçambique, Portugal e Japão e premiou autores de várias regiões do país.

Com estas duas premiações o poeta Airton Souza já soma somente este ano dezesseis prêmios literários, entre os quais merece destaque: o Prêmio Maria José Maldonado de Literatura 2017 na categoria poesia; Prêmio Maravilha de Palavra, organizado pela Editora Litteris, Prêmio Carlos Drummond de Andrade, promovido pelo Sesc, de Brasília, o Prêmio Do Carmo, organizado pela Editora Do Carmo, de Brasília, o Prêmio Cruz e Sousa, também promovido pela Editora Do Carmo, seleccionado no Prêmio Poesia Livre 2017, venceu o I Prêmio Capt de Poesia, venceu nas categorías conto e poesia o 5º Prêmio SFX de Literatura, também em duas categorías esteve entre os escritores premiados no Prêmio Jovens que escrevem, organizado pela Editora A. R. Plubisher, de São Paulo e o seu livro infantil “Os dias dentro da saudade”, recebeu menção honrosa no Prêmio Letrinhas do Brasil, o XI Concurso Literário de Presidente Prudente, promovido pela Secretaria de Cultura de Presidente Prudente, de São Paulo, entre outros prêmios literários.

“Querendo ou não, com esses prêmios nós vamos conseguindo colocar aos poucos a cidade de Marabá em uma importante rota literário, no país. Esses prêmios têm servido, sobretudo, para mostrar que no interior do país muitas pessoas estão produzindo literatura. Isso serve para nos motivarmos e continuar acreditando na literatura e na leitura como uma força propulsora de transformação social. São importantes prêmios literários e ver meu nome entre os vencedores é sempre uma emoção indescritível”, ressalta Airton Souza.

A entrega das premiações do Prêmio Miau de Literatura 2017 e do Prêmio da Academia Brasileira de Letras de Médicos Escritores -ABRAMES estão marcadas para acontecer ainda esse ano.

(Divulgação)

Comentários
Helen McCrory, atriz de 'Peaky Blinders' e 'Harry Potter', morre aos 52 anos

Helen McCrory, atriz de 'Peaky Blinders' e 'Harry Potter', morre aos 52 anos

A atriz Helen McCrory, conhecida por papéis na série “Peaky Blinders” e na franquia “Harry Potter”, morreu nesta sexta-feira (16),…
Joelma lança clipe sobre força e libertação feminina: ‘Cheguei ao fundo do poço algumas vezes’

Joelma lança clipe sobre força e libertação feminina: ‘Cheguei ao fundo do poço algumas vezes’

O nome dela é Joelma, mas pode chamar de Fênix. Ou libélula, como a cantora se mostrará a partir desta quinta-feira…
Mick Jagger lança 'Eazy Sleazy' em parceria com Dave Grohl para celebrar fim do lockdown na Inglaterra

Mick Jagger lança 'Eazy Sleazy' em parceria com Dave Grohl para celebrar fim do lockdown na Inglaterra

Mick Jagger lançou, de surpresa, uma música nesta terça-feira (13), “Eazy Sleazy”, que comemora o fim do lockdown na Inglaterra…
Virada Digital 2021 abre inscrições para workshops gratuitos

Virada Digital 2021 abre inscrições para workshops gratuitos

A Virada Digital 2021 abre, na segunda-feira (12), as inscrições para quatro workshops gratuitos sobre comunicação, escrita poética, cinema e…
Ulda Wambergue lança “Amor Líquido” nesta sexta (9)

Ulda Wambergue lança “Amor Líquido” nesta sexta (9)

O amor pode até ser efêmero, mas, isso não quer dizer que ele não exista. É dessa premissa que nasce…
Movimenta Pebas inscreve para curso de cinema com Cavi Borges

Movimenta Pebas inscreve para curso de cinema com Cavi Borges

Estão abertas as inscrições para o curso on-line sobre História do Cinema de Baixíssimo Orçamento. Esta é a primeira atividade…