Correio de Carajás

PM “libera” acusado e ele volta para matar mulher

Foto: Reprodução
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Um caso inusitado ocorreu na noite de sábado (24) em Marabá: acionados para atender a uma ocorrência de violência doméstica, policiais militares simplesmente não apresentaram o acusado na delegacia. Pelo contrário: o liberaram no meio do caminho. O resultado foi um desastre, pois o acusado voltou à casa e tentou esfaquear a companheira, assim como deu o maior trabalho para a outra guarnição policial que teve de prendê-lo.

O caso se registrou na Avenida 31 de Março, Bairro das Laranjeiras (Núcleo Cidade Nova). Os policiais envolvidos são os cabos Cleyton Nunes da Silva, Diego Araújo Seixas e Robson Lima da Cruz, suspeitos de incorrer, em tese, nos crimes de desobediência e prevaricação. Eles passaram dois dias presos no quartel do 4º Batalhão de Polícia Militar (4º BPM), mas saíram após pagamento de fiança.

O caso

Leia mais:

Quando a primeira chamada chegou ao NIOP, uma viatura com a tenente Gabrielle foi ao local, mas outra guarnição também chegou lá ao mesmo tempo. A vítima estava com uma vermelhidão no pescoço (por tentativa de estrangulamento) e também o filho dela se dizia ameaçado de morte pelo companheiro de sua mãe, o indivíduo Adevaldo da Silva Lima.

A oficial conversou com a vítima e seus filhos, perguntando se ela denunciaria seu companheiro, tendo a mesma dito que sim. A policial pegou os documentos pessoais da vítima e dos filhos, que seriam testemunhas no caso. Em seguida, Gabrielle orientou aos PMs da outra guarnição que apresentassem o acusado na delegacia, pois ela iria atender a outra ocorrência.

Acontece, porém, que passados alguns momentos, já na madrugada de domingo, a tenente recebeu uma nova informação via rádio de que o indivíduo Adevaldo da Silva Lima havia tentado esfaquear a companheira. Isso a deixou assustada porque Adevaldo era exatamente o homem que ela tinha visto entrar na viatura momentos antes.

O que ocorreu foi o seguinte: no meio do caminhão, ao invés de levar todos os envolvidos para a delegacia, os policiais liberaram o acusado, porque, segundo eles, a vítima teria desistido de proceder contra seu companheiro.

Os militares levaram a mulher de volta para casa e informaram que iriam deixar o acusado na casa de seus pais, acreditando que tudo se resolveria amigavelmente. Ocorre que Adevaldo voltou por cima do mesmo rastro para terminar o que havia começado.

Felizmente, a guarnição da tenente Gabrielle retornou ao local rapidamente, mas não encontrou mais o acusado, apenas as mesmas vítimas de antes, amedrontadas dentro da casa, que havia sido arrombada pelo agressor. A guarnição da PM partiu em busca de Adevaldo e o encontrou perto de uma arena esportiva, onde ele estava armado de uma faca.

Os militares pediram que ele soltasse a arma e deita-se no chão, mas Adevaldo se negou e tentou partir para cima dos policiais, momento em que um dos militares efetuou um disparo de bala de borracha, de modo que o indivíduo caiu, mas não soltou a faca, momento em que a tenente utilizou técnicas de imobilização para contê-lo. Só assim, Adevaldo foi finalmente preso.

A vítima foi levada à Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM), onde contou em depoimento que em nenhum momento desistiu de proceder contra Adevaldo. Disse apenas que no meio do caminho os policiais conversaram com o acusado e com ela e resolveram não seguir até a delegacia.

Na data de ontem, o CORREIO entrou em contato, por telefone, com o coronel Luciano Morais Pereira, presidente da Corregedoria da Polícia Militar, em Marabá, solicitando um posicionamento da PM em relação ao caso. O oficial atendeu prontamente à mensagem telefônica e orientou que o jornal entrasse em contato com a Assessoria de Comunicação da PM por e-mail, o que foi feito exatamente às 14h22, mas o correio eletrônico não foi respondido. (Chagas Filho)

Mais

Madrugadas são marcadas por crimes e mortes em Marabá

Madrugadas são marcadas por crimes e mortes em Marabá

Na madrugada desta segunda-feira (10), Delegacia de Homicídios de Marabá foi informada, através do Núcleo Integrado de Operações Policiais (Niop-190),…
Van e bitrem se envolvem em acidente na BR-158

Van e bitrem se envolvem em acidente na BR-158

Uma van e uma carreta bitrem se envolveram em um acidente na Rodovia BR-158, nas proximidades do distrito conhecido como…
Briga entre mulheres termina com uma esfaqueada

Briga entre mulheres termina com uma esfaqueada

Uma confusão na Vila Brejo do Meio, zona rural de Marabá, terminou com uma mulher esfaqueada e outra presa na…
Agressor de mulher se arma com facões e ganha spray de pimenta da PM

Agressor de mulher se arma com facões e ganha spray de pimenta da PM

Cosmo de Brito Lacerda deu trabalho para a Polícia Militar após agredir a companheira, na madrugada desta segunda-feira (10), na…
Homem é assassinado no Residencial Magalhães

Homem é assassinado no Residencial Magalhães

Um homem, ainda não identificado, foi morto por um único golpe de faca desferido no Residencial Magalhães, no Núcleo São…
Após tentativa de assalto, dois morrem em intervenção policial

Após tentativa de assalto, dois morrem em intervenção policial

Antônio da Silva Costa, conhecido como Negão do 15, de 42 anos, e outro homem ainda não identificado morreram na…