Correio de Carajás

Parauapebas: Processo para abertura de empresas será digital

Parauapebas: Processo para abertura de empresas será digital
O aplicativo foi lançado nesta quinta-feira, no auditório da Prefeitura Municipal/ Fotos: Lucas Dias
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Parauapebas é o primeiro município brasileiro a lançar a Multiplataforma Empresa Digital. O objetivo é tornar mais simples, fácil e seguro abrir uma empresa e empreender no município. Tanto o processo de abertura, alteração e renovação e baixa da empresa será feito online. O aplicativo foi lançado nesta quinta-feira, 19, no auditório da Prefeitura. A plataforma também disponibilizará emissão de boletos de taxas e certificados de licenças.

O gerente de projetos da Junta Comercial do Estado do Pará (Jucepa), Aiua Queiroz, exemplifica a importância da modernização ao empreender ao citar que “Parauapebas é o quinto município do estado em empresas ativas. Temos cerca de 14 mil empresas ativas no município, o dado interessante é que somos o quinto em número de empresas ativas, mas o primeiro em renda per capita”. O gerente afirma que, em média, as maiores empresas do estado estão sediadas na cidade e que o “processo mais simples e menos burocrático ajuda as empresas escolherem onde investirem”.

Para o prefeito Darci Lermen, o uso da tecnologia viabiliza agilidade para o usuário. “A possibilidade de abrir uma empresa será em tempo recorde. Somos a primeira cidade a implantar este aplicativo. Hoje em minutos você consegue abrir sua empresa. Estou muito feliz com o projeto e com as parcerias que propiciaram está realização”, comemora. 

Leia mais:

Para usufruir do serviço, o primeiro passo é o cadastro na plataforma da Prefeitura, então baixar o aplicativo Empresa Digital, selecionar a cidade Parauapebas, autenticar o CPF/CNPJ e inserir o Protocolo da Junta Comercial. A Multiplataforma simplifica o processo de licenciamento de empresas por meio de protocolo digital único, eliminando os deslocamentos físicos entre as secretarias municipais e demais órgãos de licenciamento e registro de empresas. Também serão realizadas atividades voltadas à implantação e monitoramento da REDESIM nos municípios da região, que serão realizadas pela JUCEPA e SEBRAE. (Theíza Cristhine – com informações da Ascom da Prefeitura)

Comentários

Mais

Publicado decreto que aumenta IOF para custear Auxílio Brasil

Publicado decreto que aumenta IOF para custear Auxílio Brasil

O Diário Oficial da União (DOU) publicou hoje (17) um decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro com as novas alíquotas do Imposto sobre Operações…
Ministro aponta erros de estados e diz que limitou vacinação de adolescentes por cautela

Ministro aponta erros de estados e diz que limitou vacinação de adolescentes por cautela

O ministro Marcelo Queiroga disse nesta quinta-feira (16) que a decisão de restringir a vacinação de adolescentes apenas aos grupos prioritários (deficiência…
Ministério estuda aproveitar créditos de cursos profissionalizantes

Ministério estuda aproveitar créditos de cursos profissionalizantes

O Ministério da Educação estuda permitir que estudantes formados em cursos técnico-profissionalizantes aproveitem os créditos acadêmicos caso decidam continuar os…
Ministério mantém previsão de crescimento da economia em 5,3% este ano

Ministério mantém previsão de crescimento da economia em 5,3% este ano

A Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia manteve a projeção para o crescimento da economia este ano…
Caçula põe irmão mais velho em enrascada

Caçula põe irmão mais velho em enrascada

Um curioso caso de receptação (adquirir mercadoria proveniente de roubo ou furto) foi registrado na Vila Carimã, zona rural de…
Transporte público volta a ser criticado na Câmara de Marabá

Transporte público volta a ser criticado na Câmara de Marabá

Serviço que afeta grande parte da população, o transporte público de Marabá está sempre em pauta nas discussões políticas da…