Correio de Carajás

Parauapebas: Empresa deverá cuidar do aterro sanitário por R$ 8 milhões

Foto: Ascom/PMP
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

A manutenção do Aterro Sanitário de Parauapebas custará quase R$ 8 milhões aos cofres do município nos próximos 12 meses, caso seja assinado o contrato entre a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semurb) e a empresa Alves Dias Serviços Eireli, declarada nesta segunda-feira (25) vencedora do processo licitatório, conforme publicação no Diário Oficial da União.

A empresa foi a que apresentou a proposta mais vantajosa para a administração – que havia estipulado pagar R$ 11.460.000,00 pelo serviço -, deixando para trás outras três concorrentes. Estas ainda podem recorrer do resultado.

O processo licitatório 3/2019-003SEMURB, na modalidade Concorrência Pública, prevê que a empresa execute serviços de natureza contínua referente a supervisão, gerenciamento, operação e manutenção do aterro, localizado na via de acesso à Vila Fonteles, distante 11 Km do centro da cidade.

Leia mais:

Conforme a justificativa do processo licitatório, a contratação é necessária para que seja dado tratamento adequado do lixo produzido no município, destacando que a operação do aterro é realizada com base em Termos de Ajuste de Conduta firmados entre o município e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), isso porque a área está em utilização desde 1990 e com previsão de exaustão nos próximos dois anos, o que inviabiliza expedição de licença da Secretaria de Meio Ambiente do Estado do Pará (Sema).

A justificativa destaca, ainda, que o serviço a ser executado foi composto por apenas um item – operação e manutenção do aterro -, o qual será composto de vários insumos, como equipamentos, mão-de-obra e materiais, que estão incluídos na composição de preço, não sendo de execução apartada. Os serviços serão medidos por tonelada tratada. (Luciana Marschall)

Comentários

Mais

Pandemia afeta em cheio a maior festa popular de Marabá

Pandemia afeta em cheio a maior festa popular de Marabá

Pelo segundo ano consecutivo, não serão permitidos festejos juninos em Marabá, por causa da pandemia do coronavírus. A decisão foi…
Hemopa registra 6% de aumento no número de bolsas coletadas, entre abril e maio de 2021

Hemopa registra 6% de aumento no número de bolsas coletadas, entre abril e maio de 2021

O Luiz Gustavo tem seis anos e assim como muitos meninos da sua idade, adora jogar futebol. Mas a Beta…
Artista visual marabaense expõe obras oxidadas por grades de ferro

Artista visual marabaense expõe obras oxidadas por grades de ferro

A Fundação Casa da Cultura de Marabá recebe, a partir das 9 horas desta terça-feira, 15, a Exposição “Rendas de…
Tudo sobre foguete gigante da Nasa que vai levar astronautas à Lua e a Marte

Tudo sobre foguete gigante da Nasa que vai levar astronautas à Lua e a Marte

A Nasa tem planos de enviar um homem e uma mulher à superfície lunar ainda nesta década — será o…
Servidor da Cadeia de Parauapebas responde processo por disparo de arma

Servidor da Cadeia de Parauapebas responde processo por disparo de arma

O corregedor-geral penitenciário do Pará em exercício Vitor Ramos Eduardo instaurou Processo Administrativo Disciplinar visando apurar responsabilidade administrativa e funcional…
Posts exageram impacto da doação de máquinas israelenses que produzem água

Posts exageram impacto da doação de máquinas israelenses que produzem água

Imvestigado por: Verificado  por: Enganoso Posts enganam ao insinuar que, sob a gestão de Bolsonaro, o sertão brasileiro vai se…