Correio de Carajás

Paraenses pagam mais caro pela alimentação na pandemia

Preços dos alimentos tiveram alta recorde na pandemia. — Foto: Reprodução/TV TEM
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

A pandemia trouxe impactos para toda a economia, incluindo a alimentação dos paraenses. Em um ano, o preço dos produtos básicos alcançou alta de quase 22%, contra uma inflação de 6,22%, segundo pesquisas do Dieese Pará.

De acordo com os estudos, neste primeiro ano de pandemia, a alta da cesta básica foi recorde e a tendência ainda é de novos aumentos nos preços dos alimentos para os próximos meses.

Entre março de 2020 e fevereiro de 2021, a maioria dos produtos teve altas de preços acumuladas, com destaque para o óleo de cozinha (soja), com alta acumulada no período de 101,15; seguido do arroz, com reajuste acumulado de 77%; feijão, com alta de 43,41%; carne bovina, com alta de 36,13% e do leite com alta de 29,27%. (Fonte:G1)

Leia mais:
Comentários

Mais

Uepa abre inscrições para novo processo seletivo

Uepa abre inscrições para novo processo seletivo

AUniversidade do Estado do Pará (Uepa) inicia nesta quarta-feira (16) as inscrições ao novo Processo Seletivo 2021 (Prosel 2021-2), para…
IBGE atualiza limites de municípios no mapa da Amazônia Legal

IBGE atualiza limites de municípios no mapa da Amazônia Legal

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou hoje (16) o novo mapa da Amazônia Legal para 2020, com base…
Por que o dólar caiu, mas a gasolina e o diesel continuam subindo?

Por que o dólar caiu, mas a gasolina e o diesel continuam subindo?

O dólar vem se desvalorizando em relação ao real e acumula perdas de 3,74% em 2021 (de 4 de janeiro…
SAMU faz cerca de 700 atendimentos por mês em Marabá

SAMU faz cerca de 700 atendimentos por mês em Marabá

É difícil imaginar um acidente de trânsito com vítima e não lembrar de chamar o Serviço de Atendimento Móvel de…
Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar auxílio emergencial

Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar auxílio emergencial

A partir desta quarta-feira (16), os trabalhadores informais e inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos…
Anvisa autoriza importação excepcional da vacina Sputnik V

Anvisa autoriza importação excepcional da vacina Sputnik V

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu autorização, por meio do Circuito Deliberativo nº 539/2021, para a importação excepcional…