Correio de Carajás

Pará já tem 8,5 milhões de habitantes

Foto: reprodução
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O IBGE divulgou ontem (29) as estimativas das populações residentes nos 5.570 municípios brasileiros, com data de referência em 1º de julho de 2018. O Pará tem 8.513.497 em seus 144 municípios. Belém é a cidade mais populosa, com 1.485.732 habitantes, seguido por Ananindeua (525.566), Santarém (302.667), Marabá (275.086) e Parauapebas (202.882). Já os menores são Bannach com 3.310 habitantes, Pau D’Arco (5.557), Sapucaia (5.849) e São João da Ponta (6.059).

De acordo com o instituto, a estimativa é que o Brasil tenha 208,5 milhões de habitantes e uma taxa de crescimento populacional de 0,82% entre 2017 e 2018, de acordo com a projeção da população. O município de São Paulo continua sendo o mais populoso do país, com 12,2 milhões de residentes, seguido pelo Rio de Janeiro (6,7 milhões).

Dezessete municípios brasileiros têm população superior a 1 milhão de pessoas e, juntos, eles somam 45,7 milhões de habitantes ou 21,9% da população do Brasil. Serra da Saudade (MG) é o município brasileiro de menor população, 786 habitantes, seguido de Borá (SP), com 836 moradores, e Araguainha (MT), com 956.

Leia mais:

ESTADOS
No ranking dos Estados, os três mais populosos estão na região Sudeste, enquanto os cinco mais vazios estão na região Norte. O líder é São Paulo, com 45,5 milhões, concentrando 21,8% da população do país. Roraima é o estado menos populoso, com 576,6 mil moradores.

Em 2018, pouco mais da metade da população brasileira (57,0% ou 118,9 milhões de habitantes) vive em apenas 5,7% dos municípios (317), que são aqueles com mais de 100 mil habitantes. Por outro lado, a maior parte das cidades do País (68,4%) possuem até 20 mil habitantes e abrigam apenas 15,4% da população do país (32,1 milhões).

Treze cidades do Pará terão mais recursos federais

Levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM) mostra que 135 cidades do interior do Brasil poderão receber menos recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) em 2019, a partir da nova estimativa populacional divulgada pelo IBGE.

O estudo do CNM, também divulgado ontem (29), estima que outras 105 cidades tiveram aumento do coeficiente usado para calcular a cota do FPM e poderão receber mais verbas da União. De acordo com os dados, 5.330 municípios mantiveram o coeficiente de 2017. Treze cidades do Pará receberão reajuste na cota do Fundo em 2019: Abaetetuba, Aurora do Pará, Benevides, Breves, Igarapé-Miri, Marituba, Óbidos, Oriximiná e Ponta de Pedras. E apenas uma cidade vai ter menos recursos, que é Jacareacanga.
Os dados do IBGE servem como base dos cálculos feitos pelo Tribunal de Contas da União (TCU) para definir o percentual do repasse obrigatório de recursos da União para cada município do país. A previsão da transferência financeira é prevista na Constituição Federal para todas as cidades e capitais, incluindo o Distrito Federal.

O CNM alerta que os gestores municipais podem contestar a estimativa populacional até o dia 17 de setembro junto ao IBGE para tentar aumentar sua população e seus coeficientes para o próximo ano. A lista de municípios que sofreram mudanças no coeficiente para 2019 ainda será confirmada pelo TCU. Na distribuição dos recursos, o Tribunal considera a divisão dos municípios em três classes: 10% são destinados para as capitais dos estados e o Distrito Federal, 3,6% para reserva (cidades com mais de 142,6 mil habitantes) e 86,4% para cidades do interior.

(Fonte:DOL)

Mais

Petrobras firma contrato para construção de sétima plataforma

Petrobras firma contrato para construção de sétima plataforma

A Petrobras divulgou hoje (10) que assinou contrato para construção da P-78, sétima unidade a ser instalada no campo de…
79% de mulheres que atuam na música são discriminadas

79% de mulheres que atuam na música são discriminadas

Pesquisa realizada pela União Brasileira de Compositores (UBC) junto a compositoras, intérpretes, musicistas, produtoras fonográficas e técnicas, não necessariamente associadas…
Fiocruz investiga transmissão da covid-19 entre crianças e adultos

Fiocruz investiga transmissão da covid-19 entre crianças e adultos

Um estudo coordenado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em parceria com outras instituições de pesquisa constatou uma transmissão mais frequente…
Operação fiscaliza bares e restaurantes em Marabá

Operação fiscaliza bares e restaurantes em Marabá

As forças de segurança seguem fiscalizando o cumprimento do Decreto Municipal nº 184/2021, que permite a reabertura de bares no…
Nascidos em setembro recebem até esta segunda (10) Renda Pará R$ 500

Nascidos em setembro recebem até esta segunda (10) Renda Pará R$ 500

O Renda Pará R$ 500 paga, até esta segunda-feira (10), o auxílio aos beneficiários que nasceram no mês de setembro,…
Crescem apelos na Índia por lockdown nacional

Crescem apelos na Índia por lockdown nacional

As infecções e mortes por covid-19 na Índia ficaram próximas das altas diárias recordes nesta segunda-feira (10), aumentando os apelos para…