Correio de Carajás

Os pingos nos is

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Vamos colocar os pingos nos is! O Campeonato Brasileiro é de pontos corridos. Muitos podem achar a fórmula sem graça e, às vezes, é mesmo. Mas venhamos e convenhamos, é o modelo mais justo para se definir um campeão. Digo isso para deixar claro que o Flamengo foi o campeão merecido do Brasileirão 2020. Agora vamos à página 2!

Oscilação geral

Na Coluna Resenha do dia 13 deste mês, eu já havia deixado claro que nenhum dos postulantes ao título de campeão tinham se mostrado confiáveis e que, por isso, o título poderia ser de qualquer um. Disse isso mais pela incompetência das equipes do que pela qualidade. Tanto é assim que o Flamengo (campeão) fracassou, de novo, diante do São Paulo e só foi campeão porque o Inter fracassou mais ainda, diante do Corinthians. Os colorados não conseguiram fazer um golzinho legal. Poxa vida, é muita incompetência.

Leia mais:

Pandemia

A temporada 2020 foi atípica não apenas no Brasil, mas em todo o mundo, por conta da pandemia do coronavírus. Mas aqui toda essa atipicidade serviu para revelar (àquelas que não tinham percebido) e para potencializar os problemas do nosso futebol: falta de planejamento, elencos fracos e treinadores ultrapassados ou cheio de ideias vazias. Enfim, nosso certame foi nivelado por baixo e venceu o time que tinha os melhores jogadores (ponto).

O Tricolor das Laranjeiras

No meio de toda essa oscilação que marcou o campeonato brasileiro, há que se destacar o Fluminense, que ficou em quinto lugar. O time carioca, com uma torcida esparramada em todo o País, tem apenas a décima maior folha de pagamento da competição. O Fluzão conseguiu vencer nada menos de 18 partidas.

Salve o Corinthians!

Já o Coringão, embora tenha feito uma partida digna contra o Internacional, sem mala branca nem mala preta (pelo menos até onde eu sei), fez uma temporada ruim demais. Ficou apenas em 12º lugar. Alguém poderá dizer que o elenco é fraco. Mas, pasme, o Corinthians tinha a maior folha de pagamento do Brasileirão em 2020, junto com o Flamengo, quando se fala dos salários em carteira. Isso explica pelo fato de que o Corinthians paga parte de salários de jogadores que estão emprestados para outros clubes.

Pra finalizar

Por hoje é só… E quem ninguém me venha falar em VAR! Já deu, .

Comentários

Mais

Águia faz pacto eterno com empate e só iguala com Remo apático

Águia faz pacto eterno com empate e só iguala com Remo apático

O Águia de Marabá teve mais uma tarde infeliz neste domingo, 18 de abril, no confronto contra aquele que seria…
Marabá é representada em live solidária organizada por Cafu

Marabá é representada em live solidária organizada por Cafu

Um dos desportistas brasileiros mais conhecidos no mundo e herói da conquista do pentacampeonato Mundial de futebol como capitão da…
A zoação não tem fim

A zoação não tem fim

Desde o último domingo, flamenguistas vinham tirando sarro dos palmeirenses, primeiro por causa do título conquistado pelo Rubro-negro sobre o…
Equipe do Águia pronta para enfrentar o Remo no domingo

Equipe do Águia pronta para enfrentar o Remo no domingo

Neste domingo (18), às 16 horas, o Águia de Marabá enfrenta o Remo pela quinta rodada da fase de grupos…
Gavião empata no Zinho Oliveira e o Itupiranga no Souza

Gavião empata no Zinho Oliveira e o Itupiranga no Souza

Em jogo emocionante na tarde de ontem (16), no Estádio Zinho Oliveira, em Marabá, o time do Gavião Kyikatêjê viu…
Técnico da Seleção de vôlei é internado com covid-19

Técnico da Seleção de vôlei é internado com covid-19

O técnico da seleção brasileira masculina de vôlei, Renan Dal Zotto, foi internado nesta sexta-feira. O craque da geração de…