Correio de Carajás

Olho na sucessão

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O candidato de Jatene para sucedê-lo é o secretário Adnam Demachki e ele já trabalha com afinco nessa direção. Contudo, o senador Flexa Ribeiro, que nunca escondeu de ninguém a pretensão de sentar na cadeira do governador, ainda nutre a esperança de que até 2018 haja mudanças no horizonte e o ambiente lhe seja mais favorável.

Sem falar que, além de Adnam, o atual prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho, corre por fora no páreo. Mas, no caso de Zenaldo, isso dependerá muito do resultado da eleição do próximo dia 30. Se perder, Zenaldo sepultará em cova rasa a ambição de suceder Jatene.

O candidato de Jatene para sucedê-lo é o secretário Adnam Demachki e ele já trabalha com afinco nessa direção. Contudo, o senador Flexa Ribeiro, que nunca escondeu de ninguém a pretensão de sentar na cadeira do governador, ainda nutre a esperança de que até 2018 haja mudanças no horizonte e o ambiente lhe seja mais favorável.

Leia mais:

Sem falar que, além de Adnam, o atual prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho, corre por fora no páreo. Mas, no caso de Zenaldo, isso dependerá muito do resultado da eleição do próximo dia 30. Se perder, Zenaldo sepultará em cova rasa a ambição de suceder Jatene.

Comentários

Mais

Crônica de ninar para um Levi recém-chegado

Crônica de ninar para um Levi recém-chegado

Levi, o primogênito de Jéssika (com K mesmo) e Felipe Lincoln acaba de chegar ao mundo. A um mundo muito…

Síndrome do Desgaste Profissional

O termo, Síndrome do Desgaste Profissional ou Síndrome de Burnout, foi criado pelo psiquiatra inglês Herbert Freundenberg no ano 1974,…
CRÔNICA OURIÇO CHEIO

CRÔNICA OURIÇO CHEIO

Quando a vida no seu curso quase que natural me convocou à definição de que rumo profissional seguir, fiz falar…
Coluna Carlos Mendes

Coluna Carlos Mendes

Contas em Portugal O ex-secretário da Sefa, Nilo Noronha,que atuou no governo de Simão Jatene, lavrou uma procuração ao advogado…
Coluna Carlos Mendes

Coluna Carlos Mendes

Fonte e crime O sigilo da fonte na atividade jornalística sempre foi e será – menos nas ditaduras de esquerda…
Bilhões para quem?

Bilhões para quem?

Bilhões para quem? Os municípios de Parauapebas e Canaã dos Carajás não cansam de quebrar seus próprios recordes em matéria…