Correio de Carajás

Nova Marabá e Cidade Nova estão sem fornecimento de água

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

O rompimento da principal adutora da Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) deixou os Núcleos Cidade Nova e Nova Marabá sem água na manhã de hoje, quinta-feira (19). “Nesta madrugada, com tudo funcionando, houve rompimento de um anel de vedação da nossa adutora principal, que leva a água para o centro da cidade para ser entregue aos consumidores”, informou Paulo Barbosa, gestor do órgão em Marabá.

De acordo com ele, o deslocamento causou grande derramamento de água na saída da Estação de Tratamento de Água, na Folha 05, forçando o desligamento dos sistemas. “Tivemos que desligar e estamos recuperando agora de manhã”. Barbosa afirma não poder prever, por enquanto, quando os sistemas poderão ser religados.

Além do conserto da adutora em si, será necessário concretar um suporte para a adutora, que ficou danificado com o rompimento. “Eu não poderia dar uma previsão exata, mas até o fim da tarde vamos ver se a gente deixa pronto. Inclusive vai precisar de concreto e tem o tempo da secagem, mas acredito que até o final da tarde esteja pronto”, declarou. (Luciana Marschall com informações de Evangelista Rocha)

Leia mais:

O rompimento da principal adutora da Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) deixou os Núcleos Cidade Nova e Nova Marabá sem água na manhã de hoje, quinta-feira (19). “Nesta madrugada, com tudo funcionando, houve rompimento de um anel de vedação da nossa adutora principal, que leva a água para o centro da cidade para ser entregue aos consumidores”, informou Paulo Barbosa, gestor do órgão em Marabá.

De acordo com ele, o deslocamento causou grande derramamento de água na saída da Estação de Tratamento de Água, na Folha 05, forçando o desligamento dos sistemas. “Tivemos que desligar e estamos recuperando agora de manhã”. Barbosa afirma não poder prever, por enquanto, quando os sistemas poderão ser religados.

Além do conserto da adutora em si, será necessário concretar um suporte para a adutora, que ficou danificado com o rompimento. “Eu não poderia dar uma previsão exata, mas até o fim da tarde vamos ver se a gente deixa pronto. Inclusive vai precisar de concreto e tem o tempo da secagem, mas acredito que até o final da tarde esteja pronto”, declarou. (Luciana Marschall com informações de Evangelista Rocha)

Comentários

Mais

Mercado financeiro prevê inflação em 4,92% neste ano

Mercado financeiro prevê inflação em 4,92% neste ano

A previsão do mercado financeiro para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), neste ano, subiu de 4,85%…
Uepa prorroga inscrições para especialização em Parauapebas

Uepa prorroga inscrições para especialização em Parauapebas

Foram prorrogadas até o dia 23 de abril as inscrições ao Processo Seletivo para o Curso de Especialização em Teorias…
Parauapebas terá 1º Seminário de Educação Escolar Indígena

Parauapebas terá 1º Seminário de Educação Escolar Indígena

Com o objetivo de valorizar ainda mais a educação indígena, além de levantar debates e reflexões acerca da temática, a…
Butantan recebe insumos para 5 milhões de doses da CoronaVac

Butantan recebe insumos para 5 milhões de doses da CoronaVac

O Instituto Butantan recebeu, na manhã desta segunda-feira (19), mais 3 mil litros do Insumo Farmacêutico Ativo (IFA), matéria-prima para…
Pará registra 451.192 casos de Covid-19 e 11.900 mortes

Pará registra 451.192 casos de Covid-19 e 11.900 mortes

O Pará registrou, neste domingo (18), um total de 451.192 casos de Covid-19 e 11.900 mortes. De acordo com o…
Indígenas usam tecnologias para manter língua e cultura vivas

Indígenas usam tecnologias para manter língua e cultura vivas

O xokleng é uma língua falada apenas por uma comunidade indígena no Vale do Alto Itajaí, na região central de…