Correio de Carajás

MPPA requer transparência em todo o processo de vacinação contra a covid-19

Marcello Casal Jr - Agência Brasil
Marcello Casal Jr - Agência Brasil
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Está finalizando o prazo para a Prefeitura de Dom Eliseu acatar a recomendação expedida pelo Ministério Público do Pará (MPPA) em relação à transparência e regularidade no processo de vacinação contra a Convid-19. Na última terça (26), a promotora de justiça de Dom Eliseu, Aline Neiva Alves da Silva, solicitou à Prefeitura o cumprimento de diversas medidas para a transparência na execução, bem como critérios para operacionalização e logística da vacinação. O prazo estabelecido foi de cinco dias úteis.

O MPPA requer a ampla divulgação no portal da transparência, bem como em redes sociais oficiais, do quantitativo de vacinas recebidas; do quantitativo distribuído por unidade; a custódia de envio, recebimento e disponibilização na unidade de vacinação; do Plano Municipal de Imunização contra a Covid-19; dentre outros pontos. A promotoria de justiça não localizou no portal da transparência do município o quantitativo de vacinas efetivamente enviadas, recebidas, distribuídas, ou a guia de remessa.

Conforme a recomendação, a prefeitura precisa disponibilizar ao acesso público o quantitativo, em tempo real, de todas as vacinações realizadas, demostrando a identificação do beneficiário, a categoria do grupo prioritário, local e data da vacinação (1ª e 2ª doses).

Leia mais:

A população-alvo da campanha nacional de vacinação contra a Covid-19 foram priorizadas segundo os critérios de exposição à infecção e de maiores riscos para o agravamento e óbito pela doença. Para evitar aglomerações, o MPPA solicita a divulgação de informações sobre o cronograma da vacinação, suas fases e públicos-alvo, locais e horários de funcionamento das salas de vacinação.

Em relação a operacionalização e logística do processo de vacinação contra a covid-19, o MPPA também ressalta a reponsabilidade da Prefeitura na organização do suporte logístico para o transporte e distribuição das vacinas a todos os postos de vacinação; identificação do quantitativo e as condições de funcionamento das salas e postos; estruturação das equipes de saúde da família para mapeamento da população nos grupos prioritários; dentre outros diversos pontos.

O não cumprimento das medidas dispostas na Recomendação levará o MPPA à adoção de todas as medidas judiciais e extrajudiciais cabíveis, inclusive, o ajuizamento de Ação Civil Pública. (Renan Monteiro, Edyr Falcão/Assessoria de Comunicação)

Comentários

Mais

Pandemia afeta em cheio a maior festa popular de Marabá

Pandemia afeta em cheio a maior festa popular de Marabá

Pelo segundo ano consecutivo, não serão permitidos festejos juninos em Marabá, por causa da pandemia do coronavírus. A decisão foi…
Hemopa registra 6% de aumento no número de bolsas coletadas, entre abril e maio de 2021

Hemopa registra 6% de aumento no número de bolsas coletadas, entre abril e maio de 2021

O Luiz Gustavo tem seis anos e assim como muitos meninos da sua idade, adora jogar futebol. Mas a Beta…
Artista visual marabaense expõe obras oxidadas por grades de ferro

Artista visual marabaense expõe obras oxidadas por grades de ferro

A Fundação Casa da Cultura de Marabá recebe, a partir das 9 horas desta terça-feira, 15, a Exposição “Rendas de…
Tudo sobre foguete gigante da Nasa que vai levar astronautas à Lua e a Marte

Tudo sobre foguete gigante da Nasa que vai levar astronautas à Lua e a Marte

A Nasa tem planos de enviar um homem e uma mulher à superfície lunar ainda nesta década — será o…
Servidor da Cadeia de Parauapebas responde processo por disparo de arma

Servidor da Cadeia de Parauapebas responde processo por disparo de arma

O corregedor-geral penitenciário do Pará em exercício Vitor Ramos Eduardo instaurou Processo Administrativo Disciplinar visando apurar responsabilidade administrativa e funcional…
Posts exageram impacto da doação de máquinas israelenses que produzem água

Posts exageram impacto da doação de máquinas israelenses que produzem água

Imvestigado por: Verificado  por: Enganoso Posts enganam ao insinuar que, sob a gestão de Bolsonaro, o sertão brasileiro vai se…