Correio de Carajás

Henry Borel: veja diferenças entre o primeiro depoimento de Monique Medeiros e a carta escrita na cadeia

Mãe de Henry muda versão sobre morte do filho e diz que Jairinho é violento/ Foto: Divulgação

CASO HENRY

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Mãe do menino relata relacionamento abusivo com Dr. Jairinho, por quem teria sido agredida e ameaçada. Advogado do pai de Henry Borel questiona nova versão.

Mãe do menino Henry Borel, a professora Monique Medeiros mudou sua versão sobre a morte do filho. Em uma carta obtida pelo Fantástico deste domingo (25), Monique admitiu que mentiu à polícia, narrou agressões do namorado, Dr. Jairinho, contra ela e contra o garoto e disse se sentir ameaçada.

A carta, escrita na semana passada, traz diferenças em relação ao que foi dito no depoimento, dia 17 de março, na 16ª DP (Barra da Tijuca).

Em carta, Monique diz que Henry foi agredido — Foto: Reprodução
Em carta, Monique diz que Henry foi agredido — Foto: Reprodução

  • Depoimento: “Perguntada sobre como era o relacionamento em casa, entre ela, Jairo e Henry, Monique afirmou que era muito bom, não tendo relatado quaisquer problemas; embora o relacionamento não fosse próximo, já que se conheciam há pouco tempo, Jairo e Henry tinham boa relação, inclusive, ocasionalmente, brincando juntos; Monique não acredita que Jairinho tenha feito qualquer coisa contra seu filho, até porque a relação entre eles era boa, e ele sempre tentava cativar o amor de Henry.”
  • Carta: “Um dia, em janeiro, Henry veio correndo até a cozinha uns 15 minutos depois que Jairinho chegou, dizendo que o tio tinha dado uma ‘banda’ nele e uma ‘moca’. Fui até a sala perguntar o que tinha acontecido, e Jairinho disse que ele era um ‘bobalhão’, que segurou ele pelos braços brincando e passou a perna, mas que Henry nem caiu pois ele estava segurando-o.”

 

Remédios no dia da morte

 

Monique escreveu que Jairinho passou a dar remédio para ela — Foto: Reprodução
Monique escreveu que Jairinho passou a dar remédio para ela — Foto: Reprodução

  • Depoimento: “Perguntada se tomou algum remédio, respondeu que não; perguntada se ingeriu bebida alcoólica ou se Jairo ingeriu bebida alcoólica ou alguma outra droga, respondeu que não.”
  • Carta: “(Jairinho) Me deu dois medicamentos que ele estava acostumado a me dar, pois dizia que eu dormia melhor, mas eu não o vi tomando. Logo, eu adormeci.”

 

Como Monique encontrou Henry

 

  • No primeiro depoimento: “Já por volta de 3h30, aproximadamente, Monique acordou, quando viu a TV ligada e Jairo dormindo ao seu lado; Monique, então, acordou Jairo, mexendo em seu braço, para que fossem para o quarto; Jairo, aparentemente, dormia em ‘sono pesado’; Jairo se levantou e foi ao banheiro da suíte de hóspedes; Monique foi para o quarto do casal e lá já se deparou com seu filho caído ao chão; ao colocar seu filho de volta na cama, notou que ele estava com mãos e pés gelados, que não respondia aos seus chamados e que os olhos estavam revirados; Monique gritou por Jairo, que veio correndo.”
  • Na carta: “De madrugada ele me acordou, dizendo para eu ir até o quarto, que ele pegou o Henry no chão, o colocou na cama e que meu filho estava respirando mal”. No quarto, ela encontrou o filho de barriga para cima, descoberto e com a boca aberta. Monique afirma que perguntou a Jairinho o que tinha ocorrido. “Ele disse que escutou um barulho que chamou sua atenção e acordou pra ver. Que Henry tinha caído da cama! Então enrolei o Henry numa manta e corremos para a emergência. (…) Mas em nenhum momento eu achava que estava carregando meu filho morto nos braços.”

 

União e ameaças

 

  • Depoimento: “Perguntada sobre como está a sua relação com Jairo, Monique respondeu que eles estão juntos e pretendem passar por isso unidos.”
  • Carta: “Eu tentava a todo custo me afastar e me desvincular dele, mas fui diversas vezes ameaçada e minha família também.”

(Fonte:G1)

Mais

Celular roubado é encontrado nas nádegas do ladrão

Celular roubado é encontrado nas nádegas do ladrão

O tiro saiu pela culatra – e o celular também. Em ocorrência registrada na manhã desta segunda-feira (17) foram presos…
Mulher vai à rua denunciar agressão de marido

Mulher vai à rua denunciar agressão de marido

A Polícia Militar conduziu à 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas Maike Aguiar Dias e a esposa, que…
Guerra entre traficantes provoca morte no centro de Canaã

Guerra entre traficantes provoca morte no centro de Canaã

Jhonatan dos Santos Soares foi preso, em flagrante, neste final de semana, acusado de crime de homicídio registrado por volta…
Execução de adolescente está cercada de mistério no Residencial Tocantins

Execução de adolescente está cercada de mistério no Residencial Tocantins

Um mistério cerca um homicídio ocorrido às 20 horas desta sexta-feira (14) no Núcleo São Félix, especificamente no Residencial Tocantins,…
Piloto morre em colisão de moto com caminhonete entre Parauapebas e Curionópolis

Piloto morre em colisão de moto com caminhonete entre Parauapebas e Curionópolis

A colisão entre uma motocicleta e uma caminhonete tirou a vida de Aldecir Simão Borges, de 44 anos de idade,…
Policial reage a tentativa de assalto e é baleado com três tiros

Policial reage a tentativa de assalto e é baleado com três tiros

Um policial militar foi baleado após reagir a uma tentativa de assalto nesta sexta-feira (14), em Redenção, no sul do…