Os acusados foram levados para o Hospital Municipal, mas vieram a óbito
Ads

Dois homens foram mortos na manhã deste sábado, 13, em confronto com a Polícia Militar. A refrega aconteceu em uma casa, localizada na Rua F 26, no Bairro Cidade Jardim, em Parauapebas.

Ads

As vítimas são Jeferson Teixeira de Moura, 24 anos, e Rodrigo Ferreira Menezes, também de 24 anos. Segundo a polícia, os dois seriam integrantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).

Rodrigo, diz a PM, era considerado “torre” da facção em Parauapebas. Na ação, uma mulher foi conduzida para a 20ª Seccional Urbana, acusada de dar abrigo aos acusados de serem bandidos.

De acordo com a Polícia Militar, por volta de 8h30 o cabo Alberto entrou em contato com o sargento Menezes, informando que em uma casa, no Bairro Cidade Jardim, havia três pessoas possivelmente armadas e com drogas. Essas pessoas também seriam suspeitas de ter participado da tentativa de homicídio de um homem na cidade de Curionópolis, vizinha a Parauapebas.

Com base nas informações, duas viaturas foram enviadas para o local. Foi feito cerco à residência e, com o portão estava aberto, os policiais entraram e abordaram uma menor. Quando se aproximaram da área de lavanderia, foram recebidos a tiros.

Houve reação imediata e os dois suspeitos foram alvejados. Eles ainda chegaram a ser levados para o Hospital Municipal de Parauapebas, mas vieram a óbito.

De acordo com a polícia, Rodrigo seria suspeito de ter mandado matar vários desafetos na cidade. Com os acusados foram apreendidos 206 gramas de substância entorpecente, dois revólveres calibre 38 e 18 munições, sendo uma deflagrada. (Tina Santos- com informações de Ronaldo Modesto)

Ads