Correio de Carajás

Março termina com implantação de Ouvidoria da Mulher em Marabá

Responsáveis pela Ouvidoria lançaram o projeto na manhã desta quarta-feira (31)
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Com o intuito de acolher mulheres vítimas de violência doméstica, nesta quarta-feira, 31 de março, começou a funcionar em Marabá a Ouvidoria Popular – Mulher Conte Comigo, que nasceu a partir da união das participantes da Associação de Mulheres Arco Íris da Justiça, que perceberam a necessidade de se juntar e ouvir aquelas que estejam passando por algum tipo de agressão.

Com a implantação da ouvidoria, a equipe vai trabalhar diretamente nas comunidades, ouvindo, orientando e acolhendo mulheres que estejam precisando de ajuda. O projeto conta com o apoio da Coordenadoria da Mulher e do Conselho de Defesa dos Direito da Mulher (Comdim).

Segundo Rosalina Isoton, presidente da associação, a ouvidoria, a princípio, irá funcionar via grupo de WhatsApp. Por conta da pandemia, os encontros presenciais estão suspensos. A mulher que está precisando conversar, entra em contato com uma das 10 mulheres que fazem parte da equipe do trabalho social.

Leia mais:

“Somos uma rede de apoio e queremos contar com as lideranças comunitárias e, assim, poder atender toda Marabá. Nossa intenção, assim que passar a pandemia, é fazer rodas de conversas presenciais nas comunidades, pois precisamos dar apoio umas às outras”, enfatiza Rosalina.

Lara Borges faz parte do grupo Mulheres Conte Comigo, que surgiu em julho do ano passado, quando durante encontros, identificaram que o índice de violência doméstica estava aumentando consideravelmente no município. A partir daí, o grupo começou a acompanhar vários casos de mulheres em situação de violência e, ouvindo e acolhendo essas vítimas, decidiram, então, criar a ouvidoria, para que esse trabalho fosse feito de forma contínua.

“Não temos muito o que comemorar e, sim, o que reivindicar. Enquanto mulher, sinto muita honra em fazer parte de um projeto tão importante como esse, de apoiar outras que necessitam”.

As mulheres que desejam informações sobre a Ouvidoria Popular – Mulher Conte Comigo, podem entrar em contato através do WhatsApp 94 99131-2790 (Ana Mangas)

Comentários

Mais

Pará recebe remessa com 138 mil doses da vacina contra a Covid-19 nesta quinta-feira

Pará recebe remessa com 138 mil doses da vacina contra a Covid-19 nesta quinta-feira

O Pará recebeu na tarde desta quinta-feira (24) mais a 35ª remessa de vacinas contra Covid-19. Ao todo, foram enviados…
GOL faz promoção de passagens para Marabá nesta madrugada

GOL faz promoção de passagens para Marabá nesta madrugada

A GOL Linhas Aéreas está com sua clássica 12 horas de promoção de passagens aéreas, que começou na noite desta…
Banco do Brasil abre concurso público com 96 vagas para o Pará; confira

Banco do Brasil abre concurso público com 96 vagas para o Pará; confira

O Banco do Brasil abriu um concurso com mais de 4.400 vagas para todo o país, sendo 96 delas para o…
Obras no São Francisco em Cabrobó foram entregues por Dilma e Temer

Obras no São Francisco em Cabrobó foram entregues por Dilma e Temer

INVESTIGADO POR:  VERIFICADO POR:    São falsas as afirmações feitas em vídeo sobre o governo Bolsonaro ter concluído obras de…
SINOBRAS Florestal investe em parcerias para melhoramento genético da produção do eucalipto

SINOBRAS Florestal investe em parcerias para melhoramento genético da produção do eucalipto

O melhoramento genético das plantas e manejo silvicultural são extremamente importantes para a qualidade das plantações e consequentemente das atividades…
China planeja primeira missão tripulada a Marte em 2033

China planeja primeira missão tripulada a Marte em 2033

A China pretende enviar sua primeira missão tripulada a Marte em 2033, seguida de voos frequentes, de acordo com um…