Correio de Carajás

Marabá ganha novo mestrado por meio da Unifesspa

Novo mestrado da Unifesspa está com inscrições abertas até dia 17 de maio próximo
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

A Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) publicou o edital de seleção para a primeira turma do programa de Mestrado Acadêmico em Planejamento e Desenvolvimento Regional e Urbano na Amazônia (PPGPAM). As inscrições já estão abertas e vão até o dia 17 de maio. Para se inscrever, o candidato deverá acessar a plataforma SIGAA, preencher os dados e anexar a documentação exigida.

Vinculado ao Instituto de Estudos em Desenvolvimento Agrário e Regional (IEDAR) da Unifesspa, o programa é estruturado em duas linhas de pesquisa e vai ofertar, nessa primeira seleção, 10 vagas. São habilitados à inscrição os portadores de títulos de graduação nas grandes áreas, conforme definido pela Capes.

A seleção dos candidatos será efetuada em 3 fases: avaliação do projeto de pesquisa (eliminatório e classificatório); entrevista e prova escrita (eliminatório e classificatório); e prova de Língua Inglesa e avaliação do Curriculum Vitae (classificatório). As aulas serão ministradas na modalidade presencial, nos turnos matutino e vespertino, conforme calendário previsto pela Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação Tecnológica (Propit), para o ano de 2019.

Leia mais:

Sobre o programa

O planejamento e desenvolvimento na Amazônia implica lidar com as complexidades urbanas e regionais que compõem o mosaico territorial, social, econômico e ambiental dessa região. Nesse contexto, a proposta do mestrado acadêmico visa lidar com a problemática regional e urbana da Amazônia Oriental, tendo em vista o estágio atual de transformações decorrentes da expansão da fronteira agromineral e dos processos extrativos-industriais, responsáveis pelas pressões sobre os recursos naturais e humanos da região Norte, bem como do crescimento das atividades econômicas e intensificação do processo de urbanização, requerendo maior atenção à gestão, ao planejamento e ao desenvolvimento do regional.

O programa objetiva ainda oferecer formação de excelência e recursos humanos voltados à produção de conhecimentos sobre as dinâmicas socioeconômicas, populacionais e territoriais como elementos fundamentais para a compreensão do planejamento e desenvolvimento regional e urbano, particularmente com relação à temática dos impactos das dinâmicas territoriais na Amazônia. Mais informações podem ser obtidas em: https://ppgpam.unifesspa.edu.br

Linhas de pesquisa

O PPGMAM possui duas linhas de pesquisa: Economia, Desenvolvimento e Dinâmicas Regionais, que busca realizar pesquisas sobre a dinâmica regional na Amazônia, considerando as estruturas produtivas e os seus impactos para a economia; e Espaço, Território e Urbanização, que objetiva realizar estudos sobre os processos histórico-geográficos e econômico-sociais que levaram à urbanização do território amazônico.

Corpo docente

O Programa de Pós-Graduação em Planejamento e Desenvolvimento Regional e Urbano na Amazônia é coordenado pelo professor Rafael Gumiero. Integram o corpo docente permanente os professores: Ana Claúdia Duarte Cardoso, Danilo Araújo Fernandes, Giliad de Souza Silva, Harley Silva, José Otávio Magno Pires, José Julio Ferreira Lima e Maurílio de Abreu Monteiro, Rafael Gonçalves Gumiero e Sergio Moreno Redon. O corpo docente colaborador é formado pelos professores Humberto Miranda do Nascimento e Ricardo Bruno Nascimento dos Santos. (fonte: Unifesspa)

Mais

Filhote de jacaré surge em bueiro aberto na Folha 6

Filhote de jacaré surge em bueiro aberto na Folha 6

Um morador nada comum deu o “ar da graça” e surpreendeu a população da Folha 6. Um filhote de jacaré…
Tião Miranda publica Nota de Repúdio por pichação em sua residência

Tião Miranda publica Nota de Repúdio por pichação em sua residência

O prefeito Tião Miranda publicou, no final da tarde desta quinta-feira, 13, uma Nota de Repúdio contra manifestações de sindicalistas…
Pará recebe a maior remessa de vacinas contra Covid-19, com mais de 350 mil doses

Pará recebe a maior remessa de vacinas contra Covid-19, com mais de 350 mil doses

O Pará recebeu, na tarde desta quinta-feira (13), a maior remessa de doses de vacinas contra Covid-19,  com um total…
Descontos de IPVA para finais de placa 76 a 96 vão até 17 de maio

Descontos de IPVA para finais de placa 76 a 96 vão até 17 de maio

Os proprietários de veículos com final de placas 76 a 96 poderão pagar o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores…
Exposição homoerótica é cancelada em Belém e ecoa censura a 'Queermuseu'

Exposição homoerótica é cancelada em Belém e ecoa censura a 'Queermuseu'

Selecionada por um edital do Banco da Amazônia, a exposição “Suaves Brutalidades”, de Henrique Montagne Figueira, tinha um vernissage virtual…
Ataques armados a indígenas contrários à mineração ilegal podem se repetir no Pará, alerta MPF

Ataques armados a indígenas contrários à mineração ilegal podem se repetir no Pará, alerta MPF

O Ministério Público Federal (MPF) decidiu na terça-feira (11) solicitar a órgãos públicos a tomada de medidas para evitar que…