Correio de Carajás

Jovem desaparece após ser abordado por policiais

Matheus Gabriel sumiu na noite do dia 3 de fevereiro, quando voltava do futebol/ Foto: Divulgação
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Em desespero, a família de Matheus Gabriel da Silva Costa, 18 anos, faz um apelo e clama por informações que possam levar ao paradeiro do jovem, que desapareceu no dia 3 de fevereiro, no centro da cidade de Xinguara.

Segundo a mãe de Matheus, Zely Aparecida, ele voltava do futebol, por volta das 23h, quando, ao deixar um amigo em sua residência, foi seguido por uma viatura da Polícia Militar. “Ele estava indo pra casa, foi abordado pela PM num beco e foi torturado. Eles levaram meu filho dentro da viatura e um dos policiais, foi pilotando a moto dele”, conta a mãe emocionada.

A Polícia Civil de Xinguara está investigando o caso, já que o jovem e sua moto até agora não apareceram. De acordo com Zely, o delegado Jose Orimaldo está à frente das investigações, já colheu depoimentos de pessoas que viram e ouviram Matheus sendo torturado pelos policiais militares, além de ter acesso a imagens de câmeras das ruas.

Leia mais:
Zely Aparecida: “Quero meu filho de volta, estou desesperada”

“Só peço que o Estado devolva meu filho, porque foram os policiais que o sequestraram. Quero meu filho de volta, estou desesperada sem saber pra onde correr. A justiça é lenta, por isso estou pedindo ajuda da imprensa para pressionar por uma resposta. Isso não pode ficar impune”, desabafou a mulher.

A mãe do jovem informa que quando adolescente, Matheus teve alguns problemas com a polícia, mas pagou pelo erro.

Matheus trabalhava há dois anos num posto de gasolina, começou a trabalhar ainda adolescente como frentista e a seis meses, conseguiu o cargo de frentista. Foi inclusive com o trabalho que ele conseguiu dar entrada na sua moto.

O Ministério Público de Xinguara também está envolvido na investigação sobre o caso. No final da tarde de ontem, o CORREIO entrou em contato com o coronel Paulo Daniel Ribeiro da Silva, comandante do CPR-V (5º Comando de Policiamento Regional), ao qual a PM de Xinguara é subordinada. Mas ele informou que estava em uma videoconferência e falaria sobre o caso posteriormente. (Ana Mangas)

Comentários

Mais

Papagaio entoa um “socorro, ladrão“ e suspeito é preso

Papagaio entoa um “socorro, ladrão“ e suspeito é preso

Um caso inusitado foi registrado na região nordeste do Pará na manhã deste sábado (12). Um papagaio gritou pega ladrão,…
Passeata pedirá justiça para mortes de Vanuza e Jacsiane

Passeata pedirá justiça para mortes de Vanuza e Jacsiane

No próximo dia 29, haverá uma grande manifestação, a partir das 16h30, pedindo celeridade na investigação do assassinato de Vanuza…
Corpo de bombeiro desaparecido é achado em Ananindeua

Corpo de bombeiro desaparecido é achado em Ananindeua

Foi encontrado, na tarde desta sexta-feira (11), o corpo do bombeiro militar Allan Tadeu Neco Veira  em uma área de mata…
Garimpeiros atacam ônibus que transportava lideranças indígenas de Jacareacanga para Brasília

Garimpeiros atacam ônibus que transportava lideranças indígenas de Jacareacanga para Brasília

Na manhã da última quarta-feira, 9, um ônibus que transportava lideranças indígenas de Jacareacanga, no sudoeste do Pará, para Brasília…
Jovem morta em acidente será sepultada em Tucuruí

Jovem morta em acidente será sepultada em Tucuruí

Foi trasladado na tarde desta sexta-feira (11) o corpo de Lindinês dos Santos Trindade para a cidade de Tucuruí, onde…
Bitrem atropela jovem que estava em motocicleta próximo ao Km 6

Bitrem atropela jovem que estava em motocicleta próximo ao Km 6

Por volta das 5h manhã desta sexta-feira (11), Lindinês dos Santos, 23 anos, perdeu a vida em um trágico acidente…