Correio de Carajás

Hydro obtém licença ambiental da Semas

Após vazamento de rejeitos, Hydro passou a operar com menos de sua capacidade (Foto: Divulgação)
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

A Hydro obteve ontem da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas-PA) licença ambiental para operar em sua capacidade máxima na planta de produção de alumina Alunorte, em Barcarena. A refinaria está operando com metade da capacidade desde o início do ano passado, por determinação da Justiça estadual, após acusações de despejo ilegal de efluentes em rios da cidade.

Logo após o incidente, a empresa admitiu ter realizado o despejo, mas nega que a medida tenha causado danos ao meio ambiente. Ultimamente, busca autorizações para a retomada.

Ontem, a diretoria de Licenciamento Ambiental da Semas emitiu uma nota técnica constatando que a empresa, entre outros avanços, apresentou melhorias implementadas, ou em implementação, garantindo que o sistema de gerenciamento de efluentes suportaria eventos de precipitação extrema como o ocorrido em fevereiro de 2018.

Leia mais:

Diante disso, o documento informa que a Hydro está apta a operar nos níveis normais de produção (100%) de alumina calcinada, com sua capacidade nominal de projeto. Agora, resta à Hydro apresentar a liberação à Justiça para a retirada completa do embargo.

Desde 1º de março de 2018, a mineradora opera com 50% de sua capacidade, por força do embargo imposto pela Justiça estadual, que entendeu haver fortes indícios de danos ambientais e à comunidade ocasionados pelo vazamento do Depósito de Resíduos Sólidos 2, mantido pela refinaria.

A Hydro Alunorte é a maior refinaria de alumina do mundo. Emprega cerca de 4,4 mil pessoas no Pará e tem uma capacidade nominal de 6,2 milhões de toneladas por ano. 

(Diário do Pará)

Mais

Parauapebas é sinônimo de oportunidades

Parauapebas é sinônimo de oportunidades

O Brasil vive, há alguns anos, uma retração econômica evidenciada em escala nacional. Em meio a crises financeiras e políticas,…
Legado de Melquíades à educação de Marabá

Legado de Melquíades à educação de Marabá

A educação marabaense, nas últimas quatro décadas, recebe, de alguma forma, as digitais de Melquíades Justiniano da Silva. Esse baiano,…
Postagem que associa Doria e Lulinha na compra da Coronavac é falsa

Postagem que associa Doria e Lulinha na compra da Coronavac é falsa

  Falso No site oficial da Nasdaq, bolsa de valores dos Estados Unidos onde está listada a Sinovac, fabricante da…
DMTU faz o lançamento do Movimento Maio Amarelo

DMTU faz o lançamento do Movimento Maio Amarelo

Com o objetivo de colocar em pauta o tema da segurança viária, o Movimento Maio Amarelo nasce com a proposta…
Dia 10 de maio marca a emancipação de oito municípios da região

Dia 10 de maio marca a emancipação de oito municípios da região

Esta segunda-feira, 10 de maio, será um feriado especial para muitas cidades do Pará. Mais precisamente para 15 municípios, que…
DMTU esclarece suposta “casinha” feita por agente de trânsito

DMTU esclarece suposta “casinha” feita por agente de trânsito

Desde o final da noite de quarta-feira (5), o nome do agente de trânsito Etervan Ferreira Sousa está circulando em…