Correio de Carajás

HMI ganha presentinho de fim de ano no valor de R$ 579.161,00

Hospital Materno Infantil realizou 4.370 partos em 2019 de Marabá e vários outros municípios da região / Foto: Arquivo Correio
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O Hospital Materno Infantil de Marabá (HMI) foi contemplado com uma verba de R$ 579.161,00 para investir em aquisição de equipamentos para reorganização do processo de trabalho e adequação. O recurso foi disponibilizado pelo Governo Federal, em caráter excepcional e temporário, para as casas de saúde que prestam assistência às gestantes, parturientes, recém-nascidos e puérperas de todo país, considerando a pandemia do novo coronavírus.

A portaria foi publicada nesta terça-feira (29), no Diário Oficial da União, com assinatura do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. O incentivo visa também ajudar a melhorar locais de nascimento; quarto pré-parto, parto e pós-parto (PPP); centros obstétricos; e alojamento conjunto e unidade neonatal.

Este último, tem como objetivo dar “suporte de ventilação mecânica às gestantes com intercorrências obstétricas, suporte ventilatório e controle da hipotermia aos recém-nascidos prematuros, garantindo o cuidado seguro e de qualidade”, conforme a portaria.

Leia mais:

Marabá se encaixa nos requisitos, para ser contemplado pela verba da publicação, por ter realizado 4.370 partos em 2019. São disponibilizados R$ 579.161,00 para casas de saúde que tenham realizado mais de 480 partos no último ano e R$ 165.000,00 para os que realizaram entre 250 e 480 partos.

O recurso deverá ser solicitado pela Prefeitura de Marabá, em formato de proposta, conforme cronograma disponível no site do Fundo Nacional de Saúde (FNS). Vale lembrar que o valor pode ser devolvido, caso as propostas apresentadas não sejam executadas, mesmo que parcialmente.

Além do HMI, também foram contemplados outros 37 estabelecimentos públicos de saúde que atuam com maternidade, entre eles o Hospital Geral de Parauapebas, Manoel Evaldo Benevides Alves; o Hospital Municipal Maria Cecilia de Oliveira, em Jacundá; o Hospital Municipal de Itupiranga; e o Hospital Municipal Daniel Gonçalves, em Canaã dos Carajás. (Zeus Bandeira)

Comentários

Mais

Mudanças na Transamazônica começam a funcionar nesta sexta-feira (6)

Mudanças na Transamazônica começam a funcionar nesta sexta-feira (6)

Os motoristas que trafegam pela rodovia Transamazônica poderão utilizar as mudanças das novas rotas já nesta sexta-feira (6). As equipes…
Pará recebe mais uma remessa de vacina contra a Covid-19 nesta quinta-feira (5)

Pará recebe mais uma remessa de vacina contra a Covid-19 nesta quinta-feira (5)

O Pará recebeu, na tarde desta quinta-feira (5), mais 97.110 doses da vacina Pfizer. Esta é a 52º remessa que…
MP diz que Sérgio Hondjakoff era mantido em cárcere privado em clínica, ator nega

MP diz que Sérgio Hondjakoff era mantido em cárcere privado em clínica, ator nega

O ator Sérgio Hondjakoff, de 37 anos, conhecido por fazer o personagem Cabeção em “Malhação”, da TV Globo, estava entre os internos…
Biomédica que ajudou a sequenciar DNA do coronavírus é homenageada com boneca

Biomédica que ajudou a sequenciar DNA do coronavírus é homenageada com boneca

A biomédica brasileira Jaqueline Góes de Jesus foi uma das cientistas escolhidas pela fabricantes de brinquedos Mattel para ser homenageada…
Transformação digital é desafio do MEC com volta de aulas presenciais

Transformação digital é desafio do MEC com volta de aulas presenciais

O secretário-executivo do Ministério da Educação (MEC) Victor Godoy Veiga afirmou hoje (5) que o retorno às aulas presenciais nas escolas públicas de todo o país…
Butantan recebe matéria-prima para 8 milhões de doses de vacina

Butantan recebe matéria-prima para 8 milhões de doses de vacina

O Instituto Butantan recebeu, hoje (5), mais 4 mil litros de insumo farmacêutico ativo (IFA), o suficiente para produzir cerca…