Correio de Carajás

Governador do Pará solicita apoio federal para combate de incêndios no estado

Governador do Pará solicita apoio federal para combate de incêndios no estado
Foto: Reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O Governador do Pará, Hélder Barbalho, informou nesta sexta-feira (23) que vai solicitar apoio federal para a formação de brigadas de combate à incêndios florestais no estado. Segundo o governador, 72% das áreas de queimadas no Pará são em terras da União.

“Nós temos um foco de queimada permanente no estado, na região sudeste, na Floresta do Carajás. Percebemos que a maioria desses incêndios são fruto de atividade criminosa, utilizadas pra expandir a área do agronegócio”, afirmou o Barbalho.

Ainda segundo Barbalho, o estado não possui equipe de brigadistas capazes de lidar com os diversos focos de queimadas. Apesar disso, Barbalho afirmou que deve continuar com as ações ostensivas de monitoramento e fiscalização. As atividades serão concentradas em regiões específicas, como às florestas cortadas pela rodovia Transamazônica.

Leia mais:

Aumento de queimadas

As queimadas no Brasil aumentaram 82% em relação ao ano de 2018, se compararmos o mesmo período de janeiro a agosto. De acordo com o Programa Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), foram 71.497 focos neste ano, contra 39.194 no ano passado. Esta é a maior alta e também o maior número de registros em 7 anos no país. Os dados foram gerados com com base em imagens de satélite.

Cinco estados tiveram um maior aumento no número de queimadas no Brasil desde o início do ano, em comparação com o mesmo período do ano passado: Mato Grosso do Sul, com uma alta de 260% em relação a 2018; Rondônia, com 198%; Pará, com 188%; Acre, com 176%; e Rio de Janeiro, com 173%. Tomando como base apenas o número, Mato Grosso é líder, com 13.641 focos, o que representa 19% do total nacional.

(Fonte:G1)

Comentários

Mais

OIT: desemprego no Brasil não voltará ao patamar pré-pandêmico em 2022

OIT: desemprego no Brasil não voltará ao patamar pré-pandêmico em 2022

O desemprego no Brasil irá ceder apenas de forma marginal em 2022 e não retornará aos níveis pré-pandêmicos. Além disso,…
Governo do Estado vai construir 300 abrigos para famílias atingidas pelas enchentes em Marabá

Governo do Estado vai construir 300 abrigos para famílias atingidas pelas enchentes em Marabá

Em vídeo publicado no final da tarde de sexta-feira (14), nas redes sociais, o governador Helder Barbalho (MDB) anunciou que…
Prefeito de Redenção testa positivo para covid-19 e fica em isolamento

Prefeito de Redenção testa positivo para covid-19 e fica em isolamento

O prefeito Marcelo Borges (PSD), de Redenção, município mais populoso na região sul do Estado, testou positivo para covid-19. O…
Governador Helder Barbalho anuncia que está com covid-19

Governador Helder Barbalho anuncia que está com covid-19

O governador Helder Barbalho revelou em suas redes que está com covid-19. A primeira-dama Daniela Barbalho também está com a…
Ministro relaciona aumento de casos de covid-19 a festas de fim de ano

Ministro relaciona aumento de casos de covid-19 a festas de fim de ano

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou hoje (12) que o recente aumento do número de casos de covid-19 no…
Governo zera alíquota de importação de dois produtos hospitalares

Governo zera alíquota de importação de dois produtos hospitalares

Foi publicado no Diário Oficial da União  um decreto presidencial que inclui dois itens na lista de produtos para uso em…