Correio de Carajás

Exército envia mais 50 militares para o combate a incêndios florestais na Serra do Cachimbo

Exército envia mais 50 militares para o combate a incêndios florestais na Serra do Cachimbo
Militares devem compor a equipe de brigadistas que trabalham no combate a focos de incêndios na floresta — Foto: Ascom/ Exército Brasileiro
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O Exército Brasileiro enviou na tarde desta sexta-feira (6) mais 50 militares para o combate a incêndios florestais na região da Serra do Cachimbo, que fica na divisa entre os estados do Pará e Mato Grosso. Os agentes partiram da Base Aérea de Belém por volta das 14h30. Segundo o Exército, os militares foram deslocados do 2° Batalhão de Infantaria de Selva, que também fica na capital paraense.

De acordo com o Exército, esses agentes compõe a segunda metade da tropa que partiu de Belém com destino a região. Na última quinta-feira (5), outros 50 agentes foram deslocados para o local. Os militares devem compor a equipe de brigadistas que trabalha no combate a focos de incêndios na floresta.

Embarque militares para a Serra do Cachimbo — Foto: Ascom/ Exército Brasileiro

A ação no estado faz parte da Garantia da Lei e da Ordem (GLO) assinada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), na sexta-feira (23), com objetivo de controlar as queimadas na Amazônia.

Leia mais:

Cerca de 4 mil pessoas pessoas estão trabalhando no combate às queimadas em todo o Pará, segundo as Forças Armadas. De acordo com o Exército, eles vão atuar em áreas de preservação atingidas pelo fogo.

A Polícia Civil do Pará também mandou duas equipes investigarem a denúncia de que produtores rurais teriam se organizado para promover queimadas há duas semanas, em um evento batizado de Dia do Fogo. A Polícia Federal também apura o caso.

(Fonte:G1)


Comentários

Mais

Adolescente com deficiência entra para grupo prioritário de vacinação

Adolescente com deficiência entra para grupo prioritário de vacinação

O Governo Federal incluiu definitivamente gestantes, puérperas e lactantes, com ou sem comorbidade, no grupo prioritário de imunização contra a…
Moradores do Contestado se revoltam com obra parada há nove meses

Moradores do Contestado se revoltam com obra parada há nove meses

A região do Contestado, que apesar de pertencer à Marabá está localizada a 260 quilômetros da sede do município, sendo…
Taxa de desemprego fica em 14,6% no trimestre encerrado em maio

Taxa de desemprego fica em 14,6% no trimestre encerrado em maio

A taxa de desemprego no país ficou em 14,6% no trimestre encerrado em maio deste ano, segundo dados divulgados hoje…
Padre Fábio de Melo brinca com o calor de Marabá e repercute nas redes sociais

Padre Fábio de Melo brinca com o calor de Marabá e repercute nas redes sociais

Segue com grande repercussão e mais de 7 mil comentários uma postagem feita pelo padre Fábio de Melo em 29…
Famosos e autoridades lamentam incêndio em galpão da Cinemateca Brasileira

Famosos e autoridades lamentam incêndio em galpão da Cinemateca Brasileira

Famosos usaram as redes sociais para lamentar o incêndio que atingiu o galpão da Cinemateca Brasileira, localizado na Vila Leopoldina, Zona Oeste de…
Justiça do Pará proíbe programação com show de Zé Vaqueiro em Melgaço, no Pará

Justiça do Pará proíbe programação com show de Zé Vaqueiro em Melgaço, no Pará

A Justiça do Pará proibiu a programação oficial de verão da prefeitura de Melgaço, no Marajó. Um show com o…