Correio de Carajás

Encosta na Folha 7 recebe reforço

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

A Prefeitura de Marabá, por meio da Sevop – Secretaria de Viação e Obras Públicas – realiza serviço de contenção de barranco que começou a ruir e ameaça algumas residências na Folha 7, Nova Marabá, objetivando evitar maiores danos aos moradores daquela área.

Segundo o secretário de Obras, Fábio Cardoso Moreira, na gestão passada, operadores desnivelaram o terreno de forma incorreta, o que causou erosão da parte de cima, resultando no desmoronamento de quintais, com risco imediato de também afetar moradias, o que obrigou a Prefeitura a pagar aluguel social para algumas famílias e fazer a contenção do barranco.

De acordo com o responsável pela obra, José Agobar Frota Neto, na gestão passada, foi realizada escavação e feito serviço de contenção de forma íngreme, que ruiu com a chuva, o que obrigou algumas famílias da parte de cima a morar de aluguel, custeado pela administração municipal.

Leia mais:

Agora, é feita uma compactação no formato de escada, cujo terreno será coberto por vegetação, o que impedirá novo desmoronamento. O serviço iniciado há 15 dias, deverá ser entregue até 30 de julho. (Com Ascom PMM)

 

A Prefeitura de Marabá, por meio da Sevop – Secretaria de Viação e Obras Públicas – realiza serviço de contenção de barranco que começou a ruir e ameaça algumas residências na Folha 7, Nova Marabá, objetivando evitar maiores danos aos moradores daquela área.

Segundo o secretário de Obras, Fábio Cardoso Moreira, na gestão passada, operadores desnivelaram o terreno de forma incorreta, o que causou erosão da parte de cima, resultando no desmoronamento de quintais, com risco imediato de também afetar moradias, o que obrigou a Prefeitura a pagar aluguel social para algumas famílias e fazer a contenção do barranco.

De acordo com o responsável pela obra, José Agobar Frota Neto, na gestão passada, foi realizada escavação e feito serviço de contenção de forma íngreme, que ruiu com a chuva, o que obrigou algumas famílias da parte de cima a morar de aluguel, custeado pela administração municipal.

Agora, é feita uma compactação no formato de escada, cujo terreno será coberto por vegetação, o que impedirá novo desmoronamento. O serviço iniciado há 15 dias, deverá ser entregue até 30 de julho. (Com Ascom PMM)

 

Comentários

Mais

MPs recomendam proteção de indígenas contra covid-19 no sudeste do PA

MPs recomendam proteção de indígenas contra covid-19 no sudeste do PA

Em recomendações conjuntas, o Ministério Público Federal (MPF) e o Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) requisitaram uma série…
A arte pra “rir, chorar e refletir” de Mandie Gil

A arte pra “rir, chorar e refletir” de Mandie Gil

Artes, maquiagens, receitas, discussões político-sociais, tutoriais, dicas, gatos…. tem um pouco de muito no perfil de Amanda Gil Cardoso de…
Governo propõe salário mínimo de R$ 1.147 em 2022, sem aumento real

Governo propõe salário mínimo de R$ 1.147 em 2022, sem aumento real

O salário mínimo em 2022 será de R$ 1.147 e não terá aumento acima da inflação, anunciou o Ministério da…
Petrobras aumenta preços do diesel e da gasolina nas refinarias

Petrobras aumenta preços do diesel e da gasolina nas refinarias

A Petrobras anunciou hoje (15) aumentos de R$ 0,10 (3,7%) no preço do diesel e de R$ 0,05 (1,9%) no…
Linha Verde lança campanha “Abril Laranja”

Linha Verde lança campanha “Abril Laranja”

O programa Linha Verde aderiu à campanha “Abril Laranja”, que possui como objetivo conscientizar a população e prevenir o crime…
Sespa reforça necessidade de tomar a segunda dose da vacina contra Covid-19

Sespa reforça necessidade de tomar a segunda dose da vacina contra Covid-19

Para que a proteção à Covid-19 proporcionada pelas vacinas funcione como o previsto é necessário tomar as duas doses, tanto…