Correio de Carajás

Eleitores de Goianésia do Pará escolhem hoje prefeito e vice

Eleição suplementar

Mesários trabalhando, à espera dos eleitores no início da manhã
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Antonio Barroso

A população do município de Goianésia do Pará conhecerá o próximo prefeito e vice-prefeito cerca de 30 minutos após o encerramento da votação. Essa é a previsão do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE). Quatro candidatos disputam os votos de mais de 20 mil eleitores: Acácio Rodrigues Barros (Patriota), Gilmara Paulucio Lacerda (Cidadania), Francisco David Leite Rocha (MDB) e Francisco Eduardo Oliveira Silva (Solidariedade).

O juiz eleitoral Andrey Magalhães Barbosa, da 103ª Zona eleitoral, afirmou que todas as urnas foram testadas para verificar se todos os nomes dos candidatos que concorrem ao pleito foram inseridos no equipamento, com a simulação de quatro votos, um em cada concorrente.

Leia mais:

“A preparação das urnas é um ato formal promovido pela Justiça Eleitoral, onde se realiza a carga dos dados nas urnas que estarão disponíveis aos eleitores (as) para as escolhas. Posteriormente, se realiza a lacração, como preparativo final para o transporte e alocação da urna nos locais de votação”, explicou o juiz eleitoral da 103ª ZE (da qual faz parte o município de Goianésia), Andrey Barbosa.
No sábado (2) e na madrugada de hoje, as urnas eletrônicas foram transportadas com segurança e instaladas nos 20 locais de votação, dos quais 13 estão na zona urbana e sete na zona rural, para que, às 7h do domingo, seja iniciada a votação pela presidência da mesa receptora.

Apuração
Sobre a finalização da apuração, o juiz afirmou que, de acordo com a disposição da Presidência do Regional, o processo será ágil. “Os trabalhos foram intensificados para que o resultado seja entregue à população o mais breve possível, em, no máximo, 30 minutos”, garantiu.

O secretário de Tecnologia da Informação do TRE Pará, Alessandro Cruz, falou sobre a garantia de transparência que a auditoria da votação eletrônica traz ao processo eleitoral. Pela primeira vez, a auditoria da votação será realizada em uma eleição suplementar no estado do Pará.

“Ela surgiu com o intuito de demonstrar a lisura e transparência do processo eleitoral, mostrando que a vontade do eleitor é atendida. O procedimento é todo filmado e aberto ao público para que possa acompanhar a votação na urna eletrônica”, argumentou. (Com informações do TRE do Pará)


Fotos: Carina Sampaio

Comentários

Mais

Projeto cria cadastro nacional de pedófilos

Projeto cria cadastro nacional de pedófilos

Um cadastro nacional vai reunir pessoas condenadas por crimes relacionados à pedofilia. A Comissão de Segurança Pública da Câmara dos…
Lançada Operação Festas Seguras 2021

Lançada Operação Festas Seguras 2021

Mais de 100 agentes vão reforçar a segurança da população do município de Tailândia, localizado na região nordeste do Pará.…
Presidente regulamenta auxílio gás e Programa Alimenta Brasil

Presidente regulamenta auxílio gás e Programa Alimenta Brasil

O presidente Jair Bolsonaro editou nesta quinta-feira (2) decreto que regulamenta a Lei 14.237/21, que institui o auxílio gás. O texto…
Senado aprova em dois turnos PEC dos Precatórios

Senado aprova em dois turnos PEC dos Precatórios

Com uma votação folgada, o Senado aprovou, no início da tarde desta quinta-feira (2), em dois turnos, a chamada PEC…
Posse de Mendonça no STF será no dia 16 de dezembro

Posse de Mendonça no STF será no dia 16 de dezembro

O Supremo Tribunal Federal (STF) definiu hoje (2) que a posse de André Mendonça será no dia 16 de dezembro,…
Barbados se torna república e declara Rihanna heroína nacional

Barbados se torna república e declara Rihanna heroína nacional

Barbados se tornou oficialmente uma república na segunda-feira (29) à noite, em uma cerimônia na qual a rainha Elizabeth II deixou de ser…