Correio de Carajás

Dois congressistas bolivianos trocam socos e chutes

Deputado Antonio Colque e senador Henry Montero trocam agressões em sessão do Congresso em La Paz em foto de 8 de junho de 2021 — Foto: Stringer/EFE
Deputado Antonio Colque e senador Henry Montero trocam agressões em sessão do Congresso em La Paz em foto de 8 de junho de 2021 — Foto: Stringer/EFE
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Dois congressistas bolivianos da situação e da oposição trocaram socos e chutes nesta terça-feira (8) durante uma sessão pública que recebia o informe de um ministro do governo sobre a detenção da ex-presidente de direita Jeanine Áñez, em março passado.

O senador Henry Montero, do partido de direita Cremos – da oposição – e o deputado Antonio Gabriel Colque, do governista Movimento Ao Socialismo (MAS), trocaram agressões públicas, segundo imagens divulgadas pela TV.

A conturbada sessão ocorreu durante o informe do ministro do Governo (Casa Civil), Fernando del Castillo.

Leia mais:

O ministro fez um relato do conflito político na Bolívia, desde a renúncia, em 2019, do então presidente de esquerda Evo Morales e repetiu a acusação da situação à oposição de que houve um golpe de Estado então.

“A história demonstrou que o povo se impôs ao governo de fato (de Áñez), agora já sabemos a verdade, houve um golpe na Bolívia que matou pessoas e que roubou o dinheiro dos bolivianos”, disse a autoridade.

Os opositores destacaram que a detenção de Áñez, em meados de março passado, foi uma violação da lei. Também rejeitam a acusação de golpe de Estado e reivindicam que o povo se levantou em novembro de 2019, denunciando fraude por parte de Morales nas eleições de um mês antes.

O ministro Del Castillo gritou-lhes “cúmplices, cúmplices!” do suposto golpe aos parlamentares do Cremos, liderados pelo governador da próspera região de Santa Cruz (leste), Luis Fernando Camacho, peça-chave na queda de Morales.

O congressista Montero pediu respeito e foi em seguida empurrado por Colque e outros legisladores governistas que o cercavam. Montero e Colque trocaram chutes e socos e o governista foi derrubado no chão, sob os golpes do opositor.

Em outro local do Congresso, na praça de Armas de La Paz, as parlamentares Tatiana Áñez, do Cremos, e María Alanoca, do MAS, também se empurraram e puxaram os cabelos uma da outra.

A sessão do Congresso foi suspensa durante vários minutos até diminuir o clima de beligerância, e o ministro Del Castillo continuou com seu informe. (Estado de Minas)

Comentários

Mais

Publicado decreto que aumenta IOF para custear Auxílio Brasil

Publicado decreto que aumenta IOF para custear Auxílio Brasil

O Diário Oficial da União (DOU) publicou hoje (17) um decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro com as novas alíquotas do Imposto sobre Operações…
Ministro aponta erros de estados e diz que limitou vacinação de adolescentes por cautela

Ministro aponta erros de estados e diz que limitou vacinação de adolescentes por cautela

O ministro Marcelo Queiroga disse nesta quinta-feira (16) que a decisão de restringir a vacinação de adolescentes apenas aos grupos prioritários (deficiência…
Ministério estuda aproveitar créditos de cursos profissionalizantes

Ministério estuda aproveitar créditos de cursos profissionalizantes

O Ministério da Educação estuda permitir que estudantes formados em cursos técnico-profissionalizantes aproveitem os créditos acadêmicos caso decidam continuar os…
Ministério mantém previsão de crescimento da economia em 5,3% este ano

Ministério mantém previsão de crescimento da economia em 5,3% este ano

A Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia manteve a projeção para o crescimento da economia este ano…
Caçula põe irmão mais velho em enrascada

Caçula põe irmão mais velho em enrascada

Um curioso caso de receptação (adquirir mercadoria proveniente de roubo ou furto) foi registrado na Vila Carimã, zona rural de…
Transporte público volta a ser criticado na Câmara de Marabá

Transporte público volta a ser criticado na Câmara de Marabá

Serviço que afeta grande parte da população, o transporte público de Marabá está sempre em pauta nas discussões políticas da…