Correio de Carajás

Divulgadas as causas da morte de Carrie Fisher, a Princesa Leia

A atriz norte-americana Carrie Fisher, famosa por interpretar a princesa Leia na saga “Star Wars”, morreu de apineia do sono, além de uma combinação de outros fatores. Foi o que concluiu o escritório legista de Los Angeles, de acordo com uma publicação do jornal “Los Angeles Times”. Segundo o jornal, as causas adicionais da morte da estrela de 60 anos seriam o consumo de drogas e uma doença cardíaca. Carrie morreu no dia 27 de dezembro do ano passado, dias após sofrer um infarto durante um vôo.

Paralelamente, a revista People publicou hoje um comunicado enviado por Billie Lourd, filha de Carrie Fisher, sobre as circunstâncias da morte. “A minha mãe lutou contra o vício de drogas e doença mental durante toda sua vida. Finalmente, morreu por isso. Ela foi deliberadamente transparente em toda sua obra sobre o estigma social em torno destas doenlas”, afirmou Lourd.

A atriz norte-americana Carrie Fisher, famosa por interpretar a princesa Leia na saga “Star Wars”, morreu de apineia do sono, além de uma combinação de outros fatores. Foi o que concluiu o escritório legista de Los Angeles, de acordo com uma publicação do jornal “Los Angeles Times”. Segundo o jornal, as causas adicionais da morte da estrela de 60 anos seriam o consumo de drogas e uma doença cardíaca. Carrie morreu no dia 27 de dezembro do ano passado, dias após sofrer um infarto durante um vôo.

Leia mais:

Paralelamente, a revista People publicou hoje um comunicado enviado por Billie Lourd, filha de Carrie Fisher, sobre as circunstâncias da morte. “A minha mãe lutou contra o vício de drogas e doença mental durante toda sua vida. Finalmente, morreu por isso. Ela foi deliberadamente transparente em toda sua obra sobre o estigma social em torno destas doenlas”, afirmou Lourd.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.