Correio de Carajás

Criança morre após ser esmagada por camionete na garagem de casa

Evanilson está desesperada com a perda da filha Eloáh, mas prefere não culpar ninguém pelo que aconteceu/Foto Josseli Carvalho
Evanilson está desesperada com a perda da filha Eloáh, mas prefere não culpar ninguém pelo que aconteceu/Foto Josseli Carvalho
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A entrega de uma geladeira numa residência acabou se transformando em uma tragédia na noite desta quarta-feira, 3. O eletrodoméstico estava em uma camionete D-20 e José Evanilson Rodrigues acompanhou o condutor do veículo até sua residência, na Avenida Alfredo Monção, Bairro da Paz, em Marabá.

O motorista da camionete era tio da pequena Eloáh Lins Rodrigues, de apenas um ano e três meses de idade. Ele percebeu que a criança estava na garagem e a levou para dentro de casa. Depois, pegou a camionete e foi embora, sem perceber que a pequena Eloáh tinha voltado e havia ficado embaixo do veículo, sendo esmagada pelo mesmo.

Ainda segundo o pai, Evanilson, que é mecânico de motocicleta, depois que a camionete saiu, outra criança gritou, dizendo que a nenê estava no chão. “Meu cunhado foi lá e a pegou no colo. Minha filha ainda estava acordada, só mexendo os olhos. Nós a colocamos em outro carro e saímos em disparada em direção ao Hospital Municipal. No meio do caminho, uma viatura da Polícia Militar, tendo à frente o cabo Aurélio, nos deu apoio para furar o trânsito”, narra o pai. 

Leia mais:

Porém, quando o trânsito estava engarrafado em uma rotatória e alguns motoristas não queriam ceder espaço para o carro particular do pai, o cabo Aurélio desceu da viatura, pegou a criança no colo e seguiu rumo ao Hospital Regional. Estou muito agradecido aos policiais”, disse o pai em entrevista ao Portal CORREIO por volta de 13 horas desta quinta-feira, ainda desolado.

A criança foi levada diretamente para a emergência do Hospital Regional, onde os pais reconhecem que houve um esforço coletivo da equipe de plantão para garantir a vida da criança, mas ela acabou falecendo no final da manhã desta quinta-feira. “Eu não culpo ninguém pelo que ocorreu. Foi uma fatalidade. Essa dor não desejo para pai nenhum, de pegar um filho no colo com a vida por um fio e depois receber já morto”.

Ainda emocionando, José Evanilson relembra que fez a última refeição com a filha no almoço desta quarta-feira, quando ela o recebeu com alegria no momento em que ele chegou de sua oficina de motocicleta ao meio dia. Esse acidente ocorreu no dia em que minha filha completou um ano e três meses de vida”, revela.

A Reportagem teve acesso de imagens feitas pela família na tentativa de furar o trânsito na noite de ontem e com a viatura chegando ao Hospital Regional. Nas imagens, a mãe de Eloáh, Raimunda Nazaré da Silva, aparece aos prantos na recepção do HR, bastante impactada com a fatalidade.

Agora, a família aguarda a liberação do corpo para providenciar o velório e enterro da garota, que deve acontecer no Cemitério Jardim da Saudade, no Núcleo Cidade Nova. (Josseli Carvalho e Ulisses Pompeu)

Comentários

Mais

Índice reúne dados sobre a inclusão de brasileiros com deficiência

Índice reúne dados sobre a inclusão de brasileiros com deficiência

Passados 11 anos desde a realização do último censo nacional, o Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural, uma associação sem…
Anvisa aprova indicação de baricitinibe para covid-19

Anvisa aprova indicação de baricitinibe para covid-19

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou na noite desta sexta-feira que aprovou a indicação do medicamento baricitinibe para…
Pará registra 587.922 casos de Covid-19 e 16.578 mortes pela doença

Pará registra 587.922 casos de Covid-19 e 16.578 mortes pela doença

O Pará contabilizou mais 51 casos de Covid-19 e 4 mortes causadas pela doença. Segundo o boletim divulgado pela Secretaria…
“Forma Pará” recepciona calouros de Jacundá e Itupiranga

“Forma Pará” recepciona calouros de Jacundá e Itupiranga

“O Forma Pará, antes de qualquer coisa, é um programa que cuida de pessoas. E vocês também serão profissionais que…
Família de adolescente morto por “Trem da Alegria” não recebeu apoio financeiro da empresa

Família de adolescente morto por “Trem da Alegria” não recebeu apoio financeiro da empresa

A família do adolescente Marcos Henrique dos Santos, de 14 anos, que foi morto na noite desta quinta-feira (16), no…
Covid-19: Fiocruz libera mais 700 mil doses da vacina AstraZeneca

Covid-19: Fiocruz libera mais 700 mil doses da vacina AstraZeneca

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) liberou, nesta sexta-feira (17), mais 700 mil doses da vacina Oxford/AstraZeneca contra covid-19, produzida no…