Correio de Carajás

Corrida pela vacina mobiliza prefeitos, secretários e até a polícia

Prefeito de Parauapebas, Darci Lermen, veio a Marabá para receber vacinas que ainda não têm previsão de chegada
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Um dilúvio de informações desencontradas encheu as redes sociais desde ontem, domingo, dia 17, até hoje, segunda-feira, 18, sobre o início da vacinação contra o coronavírus. A politização da temática imunização tem mobilizados ocupantes de cargos públicos das três esferas: federal, estadual e municipal.

No âmbito regional, diversos prefeitos, secretários municipais de saúde e até mesmo a Polícia Militar começou a se mobilizar a partir de uma informação repassada por Charles Tocantins, presidente do COSEMS-PA (Conselho dos Secretários Municipal de Saúde) do Pará, que convocou secretários e prefeitos para irem a Belém buscar suas doses da vacina nesta segunda-feira.

A partir daí, começou um corre-corre, ligações telefônicas e mensagens de Whatsapp para Sespa, em Belém, e entre os profissionais de saúde que atuam na imunização.

Leia mais:

De fato, vários prefeitos se mobilizaram para irem a Belém ou virem a Marabá hoje “atrás de suas vacinas”. Todavia, nem mesmo a Sespa divulgou ainda quantas doses cada município vai receber, uma vez que só há 125 mil doses para 144 municípios na primeira remessa. No caso de Marabá, a quantidade não chegará a 2.000 doses, segundo levantamento da própria Secretaria Municipal de Saúde.

Dentre os gestores que se mobilizaram para vir a Marabá atrás da vacina para levar a seus municípios está o de Parauapebas, Darci Lermen, que anunciou logo cedo em sua conta pessoal do Instagram, que viajava naquele momento a Marabá, para receber as primeiras doses da vacina Coronovac, para imunização contra a Covid-19.

“Neste primeiro momento a acima de 80 anos, pessoal da saúde, os índios, nós não sabemos a quantidade certa que vamos ter, e estamos lutando para adquirir e vacinar a população como um todo. Nós estamos preparados, se pudermos vamos comprar, guardamos dinheiro para isso”, disse Darci.  

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) se reuniu neste domingo (17) e decidiu pela autorização do uso emergencial de vacinas contra a Covid-19.

Já o prefeito de Marabá, Tião Miranda, está aguardando a definição e detalhamento do Plano de Vacinação, mas já avisou que não pretende tornar-se protagonista e fazer vídeo-selfie com as vacinas. Segundo pessoas próximas a ele, o gestor marabaense deixará todo o trabalho com a equipe técnica da Secretaria de Saúde.

Também hoje, o Comando de Policiamento Regional (CPR II) reuniu-se com diretores do 11º Centro Regional de Saúde da Sespa para discutir a logística necessária para receber a vacina em Marabá e a forma de distribuição aos municípios, que será escoltada pela PM. Não se sabe, ainda, se as vacinas que chegarão a Belém na tarde de hoje seguirão no mesmo dia para a Sespa em Marabá.

O governo do Pará anunciou que vai divulgar o Plano de Vacinação e a cota de cada município em uma entrevista coletiva às 17 horas desta segunda, a partir do Hangar Centro, em Belém. (Ulisses Pompeu)

Comentários

Mais

Dr. Naves retorna a Marabá e é recebido com festa por familiares e amigos

Dr. Naves retorna a Marabá e é recebido com festa por familiares e amigos

José Divino Naves, mais conhecido como Dr. Naves, desembarcou às 16h30 deste sábado (18) em Marabá, após passar 5 meses…
Índice reúne dados sobre a inclusão de brasileiros com deficiência

Índice reúne dados sobre a inclusão de brasileiros com deficiência

Passados 11 anos desde a realização do último censo nacional, o Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural, uma associação sem…
Anvisa aprova indicação de baricitinibe para covid-19

Anvisa aprova indicação de baricitinibe para covid-19

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou na noite desta sexta-feira que aprovou a indicação do medicamento baricitinibe para…
Pará registra 587.922 casos de Covid-19 e 16.578 mortes pela doença

Pará registra 587.922 casos de Covid-19 e 16.578 mortes pela doença

O Pará contabilizou mais 51 casos de Covid-19 e 4 mortes causadas pela doença. Segundo o boletim divulgado pela Secretaria…
“Forma Pará” recepciona calouros de Jacundá e Itupiranga

“Forma Pará” recepciona calouros de Jacundá e Itupiranga

“O Forma Pará, antes de qualquer coisa, é um programa que cuida de pessoas. E vocês também serão profissionais que…
Família de adolescente morto por “Trem da Alegria” não recebeu apoio financeiro da empresa

Família de adolescente morto por “Trem da Alegria” não recebeu apoio financeiro da empresa

A família do adolescente Marcos Henrique dos Santos, de 14 anos, que foi morto na noite desta quinta-feira (16), no…