Correio de Carajás

Corrida de São Félix de Valois reuniu mais de 300 atletas

MARABÁ

Fotos: Aline Nascimento
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O sol ainda estava nascendo quando os primeiros competidores chegaram à Marabá Pioneira para a 11ª corrida de São Félix de Valois, que abre as comemorações do dia do padroeiro da nossa cidade e foi organizada pela Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel). Foram 300 atletas que competiram em diferentes modalidades, divididos por sexo, idade e também para portadores de deficiência física (PcD).

Para competir os participantes doaram fraldas geriátricas ou leite, que foram repassados para a Casa do Idoso, Igreja do Sagrado Coração de Jesus e Paróquia São Félix. “É o dia do nosso padroeiro e buscamos fazer uma festa bem bonita, com saúde, esporte e solidariedade. Marabá e o mundo perderam oito meses para a pandemia em 2021 então buscamos nesses 4 meses fazer o melhor que podíamos para todas modalidades. Fizemos a corrida da independência e agora a corrida de São Félix. Que seja uma festa bonita”, comenta Thiago Miranda, secretário de esportes.

Thiago Miranda, secretário de esportes

Os campeões

Leia mais:

O vencedor na categoria masculina foi o atleta da Associação Atlética Fernando Gomes, Jonasclei Silva da Silva, que completou o percurso em 23min08seg. O atleta é nascido na zona rural de Marabá, mais precisamente na Vila Espírito Santo, e compete há três anos no atletismo. “A gente treina de manhã e de tarde. É muito sofrido, tem que focar muito. Já tenho alguns troféus, o primeiro aqui na Corrida de São Félix. É a terceira corrida que disputo depois de um procedimento médico que realizei e estou muito feliz com o resultado”, celebra.

Jonasclei Silva da Silva

Já na categoria feminina o primeiro lugar ficou com Andreia Oliveira Diniz, do grupo Vida Corrida, com tempo de 31min23seg, a atleta compete desde 2018 pelas ruas do estado. “Treino todos os dias, por 1 hora. Com a pandemia tínhamos dado uma parada. Agora estamos nos esforçando para recuperar. É a terceira corrida que disputo depois da pandemia e sempre tenho chego no pódio. Treinamos para melhorar e cada conquista é gratificante”, comemora.

Andreia Oliveira Diniz

A corrida

A corrida teve 7 km de percurso, todos dentro da Marabá Pioneira, começando e terminando na Praça São Félix de Valois. Além da competição esportiva também foi realizada massagem e alongamento nos participantes pelos profissionais e estudantes da Uniasselvi. A premiação para os vencedores foi entregue pela Clínica de Fisioterapia Esportiva Fisio+, com valor de 400 reais para o 1º lugar, 200 reais para o 2º colocado e 150 reais para o terceiro.

Antes da corrida também foi realizada uma oração pelo Padre da Paróquia São Félix, Ademir Gramelik. “Hoje celebramos o dia do padroeiro do município. Importante pararmos para reverenciar nosso guardião, pelo menos na visão católica. Iniciamos com a corrida  que abrilhanta  o festejo de São Félix. Ainda teremos nosso leilão online das 9h às 16h. Às 19h, a carreata na Velha Marabá e na sequência nossa missa para reverenciar Jesus Cristo e São Félix de Valois”, convida.

Padre da Paróquia São Félix, Ademir Gramelik

Superação

Ao final do evento, com muita música e animação, foi realizado um café da manhã comunitário para os presentes, com sucos, salgados e bolos. Um dos que aproveitou foi Edmar da Silva Souza, que competiu ao lado do filho Erick Ferreira da Silva, 25 anos, que tem paralisia cerebral. Foi a primeira competição oficial de pai e filho que costumam pedalar ao lado da turma do Brutas e Cia. “Ele fez aniversário e montamos uma bike para pedalar com ele, que é o que ele mais gosta. Agora decidimos participar de uma prova, competindo com ele. A emoção é grande por conseguir completar o percurso”, conta o pai.

Edmar da Silva Souza, que competiu ao lado do filho Erick Ferreira da Silva

Pódio masculino

  • Jonasclei Silva da Silva, AAFG, 23min08seg
  • Carlos Eduardo Ramos, AAFG, 24min05seg
  • Jefferson Oliveira Lima, Vida Corrida, 24min28seg
Comentários

Mais

Vila Nova e Remo começam a decidir título inédito da Copa Verde

Vila Nova e Remo começam a decidir título inédito da Copa Verde

A edição 2021 da Copa Verde terá um campeão inédito. Nesta quarta-feira (8), às 20h (horário de Brasília), Vila Nova…
Rebeca Andrade e Isaquias Queiroz conquistam o Prêmio Brasil Olímpico

Rebeca Andrade e Isaquias Queiroz conquistam o Prêmio Brasil Olímpico

Uma vencedora inédita e um tetracampeão. Rebeca Andrade, da ginástica artística, e Isaquias Queiroz, da canoagem, ganharam, nesta terça-feira, o…
Pequim tomará medidas contra boicote dos EUA a Jogos de Inverno

Pequim tomará medidas contra boicote dos EUA a Jogos de Inverno

O porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros da República Popular da China disse hoje (7) que o país vai responder…
EUA confirmam boicote diplomático aos Jogos de Inverno de Pequim; atletas americanos competirão

EUA confirmam boicote diplomático aos Jogos de Inverno de Pequim; atletas americanos competirão

Os EUA não enviarão uma delegação oficial diplomática — portanto, sem representantes políticos ou personalidades de peso — aos Jogos…
Jovens de projeto social de Marabá conquistam 9 medalhas em competição de Karatê em Brasília

Jovens de projeto social de Marabá conquistam 9 medalhas em competição de Karatê em Brasília

Com a conquista de nove medalhas – uma de ouro, três de prata e cinco de bronze – quatro jovens…
Ex-Águia vira herói do Atlético Mineiro

Ex-Águia vira herói do Atlético Mineiro

O prêmio era R$ 50, para ajudar no bolso. Valia jogar três partidas no sábado, outras três no domingo. O…