Correio de Carajás

Conexão Marabá/Parauapebas no radar da Cultura Livre

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Salve moçada!

Tem novidade na área e a partir de hoje, sexta, 04/08, teremos um encontro marcado todas as sextas-feiras na grade de programação do jornal Fala Cidade, do grupo Correio de Comunicação. Eu vou levar do Portal Correio de Carajás à TV, passando pelas redes sociais, tudo o que rola de melhor na agenda cultural da região. Fique ligado!

Contamos com a sua participação para rechear nossa agenda de programações e sugestões de pautas que poderão ser enviadas no e-mail [email protected] Aproveite e dê aquele like na minha fanpage do Facebook e na do portal Correio de Carajás.

Leia mais:

Pra começar o giro de hoje te conto como está acontecendo a semana de virada cultual em Parauapebas. O Movimento Ocupa CDC segue até domingo, dia 07/08, no Centro de Desenvolvimento Cultural da Cidade. Muita coisa legal já passou por lá e ainda tem uma intensa programação a acontecer nos três dias que ainda restam.

O primeiro dia foi marcado pela interação de todos os segmentos culturais que se propuseram a participar do evento e vestiram a camisa do desenvolvimento cultural da cidade. As atrações musicais ficaram por conta da Escola de Samba Mocidade Independente do Primavera, a cantora Vanessa Ayres e o músico Jairo Ueno. Tudo sendo transmitido ao vivo na página do evento e compartilhado por mim nas minhas redes sociais. Sempre rola um live ao final do dia, acompanhe.

Cerca de 1000 pessoas já passaram pelo Centro de Desenvolvimento Cultural durante os três primeiros dias. No período da manhã e tarde, no primeiro dia, aconteceu a organização dos espaços, montagem de exposições e recepção dos primeiros participantes, além de credenciamento das oficinas, ajuste de pautas das Rodas de Conversa e entrevistas à imprensa local.

Na primeira roda de conversa “O que é o Ocupa CDC” os participantes interagiram lembrando todos os eventos que já foram realizados no espaço. Um resgate histórico da memória e vivências já presenciadas no local. Pessoas que vivem na cidade há mais de 10 anos relembraram o quanto este espaço foi e é estimado por todos os que vivem e amam a arte como um todo. Fato este, que só confirmou o valor histórico e sentimental que o local tem para todos.

Na quarta-feira, 02, houve mais uma roda de conversa com a mediação de Jairon Gomes e Rebeca Valquiria, juntamente com a presença de Charles Trocate, ativista do movimento MST, do MAM (Movimento dos Atingidos pela Mineração) e escritor. A mesa com o debate ‘O que é Cultura?’ e ‘Cultura, Resistência e Consciência’ abriu os trabalhos do segundo dia à noite. Logo após tivemos rodas de Carimbó com os grupos Xuatê e Raízes Parauara, mais o grupo Abadá Capoeira e a intervenção do grupo Kriô de teatro.

Já no terceiro dia as oficinas, mais debate e a realização da famosa Palinha Cultural preencheram a programação da virada. Durante a manhã houve oficinas de fotografia, literatura, teatro – improvisação e xadrez. O debate do dia foi o tema: Qual o papel dos agentes culturais do Estado e da iniciativa privada, na construção da política cultural?  Com a participação de Popó Costa, secretário municipal de cultura, Vicente Reis, ex-presidente do CMPC e Girlan Pereira, atual presidente do CMPC – Conselho Municipal de Cultura de Parauapebas.

Para entender o que foi a Palinha Cultural

A programação do OCUPA CDC não poderia deixar de fora a palinha cultural, uma vez que este evento já fez parte da agenda semanal do Centro de Desenvolvimento Cultural (CDC) durante mais de uma década. A palinha cultural do CDC representava mais que uma alternativa de lazer para a população nas noites de quinta-feira, pois já revelou muitos talentos musicais de Parauapebas, sendo assim, uma forma de valorização artística.

Agenda Cultural no Ar

Giro 01 – Hoje, sexta, você pode conferir gratuitamente o show do artista local Clauber Martins, no espaço cultural Roda Viva em Marabá a partir das 20 horas. Clauber é compositor e interprete estradeiro e após a apresentação embarca em turnê pelo estado do Tocantins, com shows agendados em Palmas e Araguatins.

Giro 02 – Na Galeria de Artes Vitória Barros você pode conferir também hoje, a partir das 19 horas, a abertura da exposição “Tereza Bandeira – A voz que me guia”. A história dessa grande artista que tem seu acervo apresentado para a população por meio de uma parceria com o Galpão de Artes de Marabá (GAM) e Instituto Cultural Osana Lopes de Abreu. A galeria, fica na Av. Itacaiúnas, 1519 no Novo Horizonte e tem entrada livre com funcionamento de segunda à sábado no horário comercial.

Giro 03 – Durante o mês de agosto o SESC de Marabá exibe todas as quintas e sábados produções do cinema em Espanhol, com filmes do Peru, Argentina, México e Espanha. A entrada é livre e amanhã, sábado, às 10 horas, você já conta com uma sessão. O SESC Marabá fica na Rua Transamazônica – Cidade Nova.

Giro 04 – Parada da Diversidade de Parauapebas – A notícia que bombou na internet no último dia foi a divulgação da presença da cantora Lorena Simpson como atração confirmada da Parada LGBT de Parauapebas. A diva do Dance Music nacional já tem passaporte carimbado para a maior festa da diversidade sexual da região. Fica ligado que é dia 27/08.

 

Te vejo no próximo encontro!

(Fotos:Coletivo de Comunicação Ocupa CDC e Thiago Tigo)

Salve moçada!

Tem novidade na área e a partir de hoje, sexta, 04/08, teremos um encontro marcado todas as sextas-feiras na grade de programação do jornal Fala Cidade, do grupo Correio de Comunicação. Eu vou levar do Portal Correio de Carajás à TV, passando pelas redes sociais, tudo o que rola de melhor na agenda cultural da região. Fique ligado!

Contamos com a sua participação para rechear nossa agenda de programações e sugestões de pautas que poderão ser enviadas no e-mail [email protected] Aproveite e dê aquele like na minha fanpage do Facebook e na do portal Correio de Carajás.

Pra começar o giro de hoje te conto como está acontecendo a semana de virada cultual em Parauapebas. O Movimento Ocupa CDC segue até domingo, dia 07/08, no Centro de Desenvolvimento Cultural da Cidade. Muita coisa legal já passou por lá e ainda tem uma intensa programação a acontecer nos três dias que ainda restam.

O primeiro dia foi marcado pela interação de todos os segmentos culturais que se propuseram a participar do evento e vestiram a camisa do desenvolvimento cultural da cidade. As atrações musicais ficaram por conta da Escola de Samba Mocidade Independente do Primavera, a cantora Vanessa Ayres e o músico Jairo Ueno. Tudo sendo transmitido ao vivo na página do evento e compartilhado por mim nas minhas redes sociais. Sempre rola um live ao final do dia, acompanhe.

Cerca de 1000 pessoas já passaram pelo Centro de Desenvolvimento Cultural durante os três primeiros dias. No período da manhã e tarde, no primeiro dia, aconteceu a organização dos espaços, montagem de exposições e recepção dos primeiros participantes, além de credenciamento das oficinas, ajuste de pautas das Rodas de Conversa e entrevistas à imprensa local.

Na primeira roda de conversa “O que é o Ocupa CDC” os participantes interagiram lembrando todos os eventos que já foram realizados no espaço. Um resgate histórico da memória e vivências já presenciadas no local. Pessoas que vivem na cidade há mais de 10 anos relembraram o quanto este espaço foi e é estimado por todos os que vivem e amam a arte como um todo. Fato este, que só confirmou o valor histórico e sentimental que o local tem para todos.

Na quarta-feira, 02, houve mais uma roda de conversa com a mediação de Jairon Gomes e Rebeca Valquiria, juntamente com a presença de Charles Trocate, ativista do movimento MST, do MAM (Movimento dos Atingidos pela Mineração) e escritor. A mesa com o debate ‘O que é Cultura?’ e ‘Cultura, Resistência e Consciência’ abriu os trabalhos do segundo dia à noite. Logo após tivemos rodas de Carimbó com os grupos Xuatê e Raízes Parauara, mais o grupo Abadá Capoeira e a intervenção do grupo Kriô de teatro.

Já no terceiro dia as oficinas, mais debate e a realização da famosa Palinha Cultural preencheram a programação da virada. Durante a manhã houve oficinas de fotografia, literatura, teatro – improvisação e xadrez. O debate do dia foi o tema: Qual o papel dos agentes culturais do Estado e da iniciativa privada, na construção da política cultural?  Com a participação de Popó Costa, secretário municipal de cultura, Vicente Reis, ex-presidente do CMPC e Girlan Pereira, atual presidente do CMPC – Conselho Municipal de Cultura de Parauapebas.

Para entender o que foi a Palinha Cultural

A programação do OCUPA CDC não poderia deixar de fora a palinha cultural, uma vez que este evento já fez parte da agenda semanal do Centro de Desenvolvimento Cultural (CDC) durante mais de uma década. A palinha cultural do CDC representava mais que uma alternativa de lazer para a população nas noites de quinta-feira, pois já revelou muitos talentos musicais de Parauapebas, sendo assim, uma forma de valorização artística.

Agenda Cultural no Ar

Giro 01 – Hoje, sexta, você pode conferir gratuitamente o show do artista local Clauber Martins, no espaço cultural Roda Viva em Marabá a partir das 20 horas. Clauber é compositor e interprete estradeiro e após a apresentação embarca em turnê pelo estado do Tocantins, com shows agendados em Palmas e Araguatins.

Giro 02 – Na Galeria de Artes Vitória Barros você pode conferir também hoje, a partir das 19 horas, a abertura da exposição “Tereza Bandeira – A voz que me guia”. A história dessa grande artista que tem seu acervo apresentado para a população por meio de uma parceria com o Galpão de Artes de Marabá (GAM) e Instituto Cultural Osana Lopes de Abreu. A galeria, fica na Av. Itacaiúnas, 1519 no Novo Horizonte e tem entrada livre com funcionamento de segunda à sábado no horário comercial.

Giro 03 – Durante o mês de agosto o SESC de Marabá exibe todas as quintas e sábados produções do cinema em Espanhol, com filmes do Peru, Argentina, México e Espanha. A entrada é livre e amanhã, sábado, às 10 horas, você já conta com uma sessão. O SESC Marabá fica na Rua Transamazônica – Cidade Nova.

Giro 04 – Parada da Diversidade de Parauapebas – A notícia que bombou na internet no último dia foi a divulgação da presença da cantora Lorena Simpson como atração confirmada da Parada LGBT de Parauapebas. A diva do Dance Music nacional já tem passaporte carimbado para a maior festa da diversidade sexual da região. Fica ligado que é dia 27/08.

 

Te vejo no próximo encontro!

(Fotos:Coletivo de Comunicação Ocupa CDC e Thiago Tigo)

Mais

Goleador nato

Goleador nato

Goleador nato Como forma de homenagear os grandes jogadores que atuaram e atuam no nosso futebol regional, vamos a mais…

Doença Psicossomática

Somatizar acaba sendo um tipo de sofrimento emocional que se manifesta sob a forma de queixas físicas. Aparece mais como…
Um canhoto e um destro!

Um canhoto e um destro!

Um canhoto e um destro! A partir da coluna hoje (8), vamos destacar aqui grandes nomes do nosso futebol. Hoje…

Sobre Paulo Gustavo e o amor cristão

A morte do ator Paulo Gustavo desvelou mais um capítulo desses tempos de intolerância e falta de amor que vivenciamos…
Ligação indireta entre Amapá e Cabelo Seco

Ligação indireta entre Amapá e Cabelo Seco

“Outro bairro que faz parte das minhas memórias afetivas da infância é o Amapá. Não o Amapá dos ricos, aquele…
Galvão sai da “casinha”

Galvão sai da “casinha”

Meu amigo João Galvão, técnico do Águia, quebrou o silêncio e resolveu responder as críticas que lhe têm sido feitas…