Correio de Carajás

Cientistas encontram submarino nazista que contamina águas norueguesas

ILUSTRAÇÃO MOSTRA SUBMARINO NO FUNDO DO MAR NORUEGUÊS (FOTO: REPRODUÇÃO/NORWEGIAN COASTAL ADMINISTRATION)
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Pesquisadores de instituições norueguesas se uniram para desenvolver uma forma de parar o vazamento de mercúrio causado por um submarino que está preso a mais de 150 metros abaixo do nível do mar.

Lançado pelos nazistas no fim da Segunda Guerra Mundial, o submarino U-864 foi interceptado pelos ingleses, que atiraram torpedos que partiram o equipamento em duas partes que ficaram presas em águas do território norueguês.

O submarino levava 73 soldados a bordo, bem como 65,000 quilos de mercúrio que deveriam ser usados em armas e aviões de guerra. A caminho do Japão, o U-864 foi atacado pelo exército britânico que, com quatro torpedos, conseguiu afundar e impedir o submarino. Nenhum dos homens a bordo sobreviveu. O aparelho foi encontrado em 2003 pela Marinha Real Norueguesa.

Leia mais:

Atualmente, os restos do submarino estão perto da ilha de Fedje, que corre um sério risco de contaminação: o equipamento nazista estava cheio de reservas de mercúrio tóxico que, desde 1945, têm sido liberadas na água. Estima-se que a substância tenha vazado uma média de 4kg por ano desde então, contaminando tudo a nove metros de seu entorno e afetando peixes e carangueijos da região.

 (Foto: Reprodução/Norwegian Coastal Administration)
(Foto: Reprodução/Norwegian Coastal Administration)

Há anos, o governo da Noruega vem tentando encontrar formas de lidar com o problema. Segundo o jornal Daily Mail, o plano mais recente é isolar os 4,4 hectares em volta dos restos do submarino para tentar conter o vazamento.

Uma empresa holandesa foi contratada para criar uma sonda especial que analisará melhor os destroços e os estragos feitos no fundo do mar sem propagar a contaminação e estabilizará o submarino, que continua enroscado algas. A missão custará por volta de 25 milhões de libras e tem início previsto para 2019.

Este vídeo mostra como será feita a operação.

(Fonte: G1)

 

Mais

Prefeitura de Marabá libera espaços de eventos a partir de segunda

Prefeitura de Marabá libera espaços de eventos a partir de segunda

A partir da próxima segunda-feira (17) os espaços de eventos ficam autorizados a funcionar em Marabá. O decreto nº 196,…
Começa hoje consulta pública sobre mudanças na Nova Marabá

Começa hoje consulta pública sobre mudanças na Nova Marabá

Nesta sexta-feira, dia 14 de maio, inicia a Consulta Pública promovida pela Câmara Municipal de Marabá, para que a população…
Covid-19: Novas etapas da campanha de vacinação iniciam neste fim de semana em Marabá

Covid-19: Novas etapas da campanha de vacinação iniciam neste fim de semana em Marabá

A Secretaria Municipal de Saúde de Marabá informa que, neste final de semana, sábado (15) e domingo (16), ocorrerá uma…
Post usa notícia de 2019 para parabenizar Bolsonaro por acordo Mercosul-UE, mas negociações estão paradas

Post usa notícia de 2019 para parabenizar Bolsonaro por acordo Mercosul-UE, mas negociações estão paradas

Investigado por: Verificado por:    É enganosa uma publicação no Facebook do dia 9 de maio de 2021, em um…
Estado regulariza cerca de 2.500 lotes dos bairros Liberdade e Independência

Estado regulariza cerca de 2.500 lotes dos bairros Liberdade e Independência

A Companhia de Habitação do Estado do Para (Cohab), ligada ao Governo do Estado, está trabalhando de forma célere para…
Filhote de jacaré surge em bueiro aberto na Folha 6

Filhote de jacaré surge em bueiro aberto na Folha 6

Um morador nada comum deu o “ar da graça” e surpreendeu a população da Folha 6. Um filhote de jacaré…