Correio de Carajás

Chuvas fortes e inundações alertam para perigos com energia elétrica

Foto: reprodução
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – INPE, o período de chuvas intensas que assola o Pará deve continuar até meados de maio. A média do volume dessas chuvas tem se mostrado bem maior do que no ano passado, como é o caso de Paragominas que registra 263 milímetros acima da média esperada para o mês. Toda essa quantidade de água tem causado alagamentos e diversos transtornos em várias regiões do território paraense. Diante desse cenário, os cidadãos devem ficar atentos aos perigos que a energia elétrica pode representar nessas situações.

O executivo da área de segurança da Celpa, Alex Fernandes, explica que as ocorrências de alagamento em residências merecem atenção redobrada, pois um fio descascado nessa circunstância pode indicar fatalidade. “É importante ficar sempre atento ao estado das instalações elétricas internas, porque se essa residência vier a alagar e um fio descascado estiver no chão, todo o volume de água ficará energizado e causará choque de grande intensidade. Por isso, a primeira coisa a fazer em caso de inundação é desligar os disjuntores”, alerta o executivo.

A concessionária de energia também orienta que em casos onde a inundação atinja o nível das tomadas da residência ou comércio, é necessário chamar um profissional qualificado para fazer uma revisão antes que os disjuntores sejam novamente ligados. “Nós reforçamos sempre que somente profissionais habilitados podem ter contato de forma segura com a energia elétrica. Então, chame alguém que realmente entenda do assunto para evitar maiores transtornos”, ressalta Alex.

Leia mais:

Outro alerta para a época de chuvas está relacionado a situações em que pessoas estão ao ar livre na hora das tempestades. Nesses casos, o ideal é procurar um abrigo seguro e longe de árvores, que podem ser atingidas por raios e pode haver queda de galhos. Os veículos automotores costumam ser um bom abrigo devido as suas características isoladoras. Outra orientação importante é não se aproximar de cercas de arame e varais metálicos que podem conduzir eletricidade quando em contato com uma fonte de energia.

Fique atento às dicas de segurança:

– Durante as chuvas, evite manutenção em telhados. Há risco de queda de raios.

– Não faça o uso do celular se ele estiver com o carregador conectado a tomada.

– Desligue imediatamente os disjuntores em casos de inundação.

– Equipamentos que não estiverem sendo utilizados, devem ficar desligados da tomada.

– Nunca se aproximar de cavos ou fio partidos em vias. Entrar em contato imediatamente com a Celpa pelo número 0800 091 0196.

– Somente profissionais habilitados pode manusear instalações elétricas de forma segura. (Divulgação/Celpa)

Comentários

Mais

Foto de menino que encontrou árvore de Natal em lixão no Maranhão comove e viraliza

Foto de menino que encontrou árvore de Natal em lixão no Maranhão comove e viraliza

Um registro feito pelo fotógrafo João Paulo Guimarães no município de Pinheiro, a 333 km de São Luís, tem chamado…
Conselho mantém teor de biodiesel no óleo diesel em 2022

Conselho mantém teor de biodiesel no óleo diesel em 2022

O Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) aprovou resolução que mantém o teor obrigatório de biodiesel no óleo diesel. O…
Nasa: asteroide maior que Torre Eiffel entrará na órbita da Terra este mês

Nasa: asteroide maior que Torre Eiffel entrará na órbita da Terra este mês

A Agência Espacial Americana (NASA) avisou que um asteroide com tamanho maior do que a Torre Eiffel vai entrar na órbita…
Estudantes com dislexia e TDAH terão acompanhamento integral

Estudantes com dislexia e TDAH terão acompanhamento integral

O presidente Jair Bolsonaro sancionou lei que dispõe sobre o acompanhamento integral para educandos com dislexia ou Transtorno do Déficit de…
Veja o calendário do ciclo de pagamentos do Auxílio Brasil em dezembro

Veja o calendário do ciclo de pagamentos do Auxílio Brasil em dezembro

A Caixa, responsável pelo pagamento das parcelas do programa Auxílio Brasil, já disponibilizou o calendário de pagamentos para o mês…
Caso da Boate Kiss vai a júri oito anos após tragédia

Caso da Boate Kiss vai a júri oito anos após tragédia

Após oito anos e 11 meses, finalmente vai à júri, nesta quarta-feira (1º), o caso da Boate Kiss, tragédia que matou 242…