Correio de Carajás

Candidatos de Parauapebas já gastaram mais que o dobro em relação a Marabá

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Na Capital dos Superlativos – a Itu do Pará – Parauapebas reina absoluta na gastança astronômica. No que diz respeito às campanhas eleitorais, idem. Primeiro, o limite de gastos dos candidatos a prefeito de lá é de R$ 3.712.311,11, mais que o dobro do segundo colocado, a capital Belém, que ficou estabelecido pela Justiça em R$ 1.611.259,97. Neste quesito, Marabá fica com R$ 1.091.086,46 em limite de gastos e a quinta posição no ranking estadual.

Passando para o plano real, ao que seja o que realmente está sendo gasto, é possível observar valores quase semelhantes. Somados, os cinco candidatos à Prefeitura de Marabá já gastaram R$ 1.231.108,67 na campanha eleitoral de 2020 até esta sexta-feira (13). Os candidatos de Parauapebas, por seu turno, já desembolsaram R$ 2.499.108,67. A diferença entre os dois municípios é de R$ 1.267.974,48, mas Parauapebas tem mais candidatos na disputa – nove, quase o dobro. Os dados são atualizados em tempo real na plataforma DivulgaCandContas, mantida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Os valores podem ser ainda maiores porque nem todos os candidatos terminaram de prestar contas à Justiça Eleitoral. O prazo para que eles façam isso vai até o dia 15 de dezembro. Os partidos e candidatos prestam informações de três formas distintas, sendo a primeira mediante relatórios financeiros de campanha, que são enviados à Justiça Eleitoral a cada 72 horas; a segunda por meio da prestação de contas parcial, enviada no período de 21 a 20 de outubro; e a terceira pela prestação de contas final, que deve ser enviada até 15 de dezembro.

Leia mais:

O candidato Valmir (PSD), que concorre à Prefeitura de Parauapebas pela coligação “Parauapebas de Volta ao Trabalho”, tem a campanha mais cara do município. Foram R$ 1.212.371,92 em despesas contratadas e R$ 313.024,70 de recursos arrecadados até então. Em seguida, as candidaturas que tiveram o maior valor gasto na Capital Nacional do Minério de Ferro são de Darci Lermen (MDB), com R$ 663.258,50; Léo da Cervebras (PSL), com R$ 505.871,50; e Júlio César (PRTB), com R$ 389.227,13.

Em Marabá, o líder de gastos é nada menos que o atual prefeito, Tião Miranda, também do PSD. Ele concorre à reeleição em chapa com o advogado e ex-secretário de Educação e Saúde Luciano Dias pela coligação “Trabalhando por Marabá”. Tião contratou despesas no valor total de R$ 1.212.371,92, o mesmo que seu colega de partido da cidade ao lado. O político recebeu, até aqui, R$ 313.024,70 em recursos.

Depois de Tião, vem Doutor Veloso (PSL), concorrendo pela coligação “Marabá pode Mais”. Ele contratou gastos no valor total de R$ 505.871,50, acumulando R$ 596 mil em recursos recebidos. Grande parte vem do fundo destinado aos partidos. Serviços advocatícios e contábeis, publicidade impressa, atividades de militância e outros estão na lista de despesas.

Na sequência, estão Toni Cunha (PTB), da coligação “Liberta Marabá”, que contratou R$ 264.821,84 em serviços para sua campanha e recebeu R$ 290.630; Irismar (PL), da coligação “Marabá de Oportunidades para Todos”, que desembolsou R$ 81.696,00 e recebeu R$ 175.996; e Professor Rigler, do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), que ainda não indicou a quantidade de gastos , tendo recebido R$ 10.275,00 no total, sendo a maior fatia de recursos do fundo partidário.

É importante frisar que os candidatos ainda vão completar sua prestação de contas nos próximos dias e os números, certamente, sofrerão modificações.

(Da Redação)

Matéria alterada às 6h30 de domingo, 15 de novembro de 2020

Mais

Força-tarefa faz quase 500 abordagens no trânsito de Canaã

Força-tarefa faz quase 500 abordagens no trânsito de Canaã

A operação “Saturação” reuniu as polícias Civil e Militar, o Corpo de Bombeiros, agentes da Secretaria Municipal de Segurança Pública…
Sem máscara, Bolsonaro debocha: 'Sou imorrível, imbrochável e incomível'

Sem máscara, Bolsonaro debocha: 'Sou imorrível, imbrochável e incomível'

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) esteve, sem máscara, na manhã desta segunda-feira (17/5) cumprimentando apoiadores na porta do Palácio da…
Bruno Covas, prefeito de São Paulo, morre de câncer aos 41 anos

Bruno Covas, prefeito de São Paulo, morre de câncer aos 41 anos

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, faleceu neste domingo (16), aos 41 anos, vítima de câncer. Ele deixa um…
Marcha da Família e ruralistas juntam forças em ato neste sábado

Marcha da Família e ruralistas juntam forças em ato neste sábado

Manifestantes pró-governo Bolsonaro devem voltar às ruas neste sábado, dia 15 de maio, duas semanas após os atos que mobilizaram…
Bolsonaro vem a Marabá  no dia 28 de maio para entrega de títulos do Incra

Bolsonaro vem a Marabá no dia 28 de maio para entrega de títulos do Incra

O dia 28 de maio, uma sexta-feira, deverá ser a data em que o presidente da República, Jair Bolsonaro, vai…
Helder inaugura, entrega cheques e assina ordens de serviço em Marabá

Helder inaugura, entrega cheques e assina ordens de serviço em Marabá

Em visita a Marabá nesta quarta-feira (12) o governador Helder Barbalho rodou a cidade fazendo inaugurações, assinando ordens de serviço,…