Correio de Carajás

Aplicativo reúne denuncias de violência contra LGBTIs no Pará

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Com o objetivo de denunciar crimes contra LGBTIs e estabelecer estatísticas compatíveis com a realidade, a Fundação Oswaldo Cruz (FioCruz), no Rio de Janeiro, criou o aplicativo ‘Dandarah’, que está disponível desde o dia 18 de dezembro para o público paraense.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Pará (Segup), no ano de 2018 foram registrados 79 crimes homofóbicos no estado e em 2019 foram 85 ocorrências, fora as ocorrências não registradas.

O aplicativo Dandarah permite que LGBTIs registrem a ocorrência sofrida formando um banco de dados nacional sobre a violência. A plataforma é colaborativa e pode ser aprimorada através da participação dos usuários. Os pesquisadores que elaboraram o Dandarah coletaram opiniões e sugestões em vários municípios do país e do Pará, como Belém, Ananindeua, Marituba, Tucuruí e Santa Izabel.

Leia mais:

A plataforma permite que o público acesse informações úteis, como contatos e endereços de conselhos, delegacias e redes de atendimento mais próximas aos usuários. Em caso de emergência, o aplicativo oferece a ferramenta ‘Botão de Pânico’, que aciona pessoas de confiança previamente escolhidas pelo usuário e repassa a localização em tempo real por mensagem.

O nome ‘Dandarah’ foi escolhido em homenagem à travesti Dandarah dos Santos, brutalmente assassinada em Fortaleza, no Ceará, em fevereiro de 2017. O caso teve grande repercussão depois que as imagens do espancamento foram divulgadas nas redes sociais.

Bianca Levy, com informações do G1-Pará

Comentários

Mais

Venezuelanos acampados em praça recebem ‘ultimato’

Venezuelanos acampados em praça recebem ‘ultimato’

A administração pública de Parauapebas trabalha para resolver a situação dos indígenas venezuelanos da etnia Warao, que estão acampados há…
Tião Miranda pede que Bolsonaro ajude a duplicar 3 rodovias em Marabá

Tião Miranda pede que Bolsonaro ajude a duplicar 3 rodovias em Marabá

Logo após a execução do Hino Nacional, no Parque de Exposições, nesta sexta-feira, dia 18, o prefeito de Marabá, Tião…
Brasil aplica mais de 2,56 milhões de doses de vacina em 24 horas

Brasil aplica mais de 2,56 milhões de doses de vacina em 24 horas

O Brasil estabeleceu um novo recorde nesta quinta-feira (17) ao aplicar 2.561.553 doses de vacinas contra a covid-19 em 24…
Vereador de Marabá entrega título de Honra ao Mérito ao presidente Bolsonaro

Vereador de Marabá entrega título de Honra ao Mérito ao presidente Bolsonaro

Antes de iniciar seu discurso, o presidente Jair Bolsonaro convidou para o palco o vereador Fernando Henrique, de Marabá, e…
Em Marabá, Bolsonaro exalta “propriedade sagrada” e critica o MST

Em Marabá, Bolsonaro exalta “propriedade sagrada” e critica o MST

Festejado por apoiadores em Marabá, que estiveram aos milhares acompanhando seus passos desde o desembarque no aeroporto local, o presidente…
Parauapebas começa a vacinar pessoas sem comorbidades a partir de 50 anos

Parauapebas começa a vacinar pessoas sem comorbidades a partir de 50 anos

Neste sábado (19) todas as unidades de saúde das zonas urbana e rural de Parauapebas abrem das 9 às 17…