Correio de Carajás

Alunos e professores da rede estadual se preparam para a etapa regional da Olimpíada Brasileira de Robótica

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Escolas da rede pública estadual começam a se preparar para o maior evento de robótica da América Latina

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc), por meio da Coordenação de Tecnologia Aplicada à Educação (CTAE), iniciou nas últimas semanas, a preparação das equipes que vão participar da etapa estadual da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR) 2021. Com o apoio dos Núcleos de Tecnologias Educacionais (NTEs), as equipes dos municípios de Abaetetuba e Ananindeua já se encontram em fase de preparação para a competição.

Em Ananindeua, o trabalho pedagógico é supervisionado pelo professor do NTE – Belém, Rafael Herdy, que conta com três alunos e um educador da Escola Estadual Dom Alberto Galdêncio Ramos. Já em Abaetetuba, a atividade experimental é supervisionada pelo professor do NTE do município, Ângelo Góes, que orienta nove alunos e cinco educadores da Escola Estadual Prof. Bernardino Pereira de Barros.

O objetivo da preparação para o torneio é a idealização, construção e programação de um robô autônomo, feito com material reciclado e de baixo custo, para que possa ter um percurso que simula escombros de um prédio que desabou, para localizar e resgatar possíveis vítimas de desabamento. Os estudantes deverão desenvolver todo o projeto, desde a construção dos robôs, até a sua programação. Os educadores deverão acompanhar o trabalho dos alunos, estimulando a pesquisa e o trabalho em conjunto.

Leia mais:

De acordo com o coordenador da CTAE, Jó Elder Vasconcelos, o ‘Ensino Maker’ e a ‘Aprendizagem Criativa’, representam a possibilidade do aluno utilizar conhecimentos nativos da cultura digital, durante o seu processo de ensino-aprendizagem. “É importante destacar que, em toda a rede estadual de ensino, estamos trabalhando para que iniciativas que envolvam à robótica, estejam cada vez mais presentes nas unidades escolares da Seduc, a fim de que possam somar esforços no desenvolvimento de projetos nesta área de pesquisa”, afirmou.

“Minha expectativa para a OBR, primeiramente, é ganhar. Estou me esforçando muito para poder vencer e ter experiência nesse ramo, caso no futuro eu possa trabalhar com isso. Venho me preparando há bastante tempo, juntamente com os meus colegas, e desejo ter novos conhecimentos neste ramo da robótica”, relata Abraão Silva, de 17 anos, aluno da Escola Estadual Dom Alberto Galdêncio Ramos.

PARCERIA – Para dar apoio ao grupo de robótica e a vários projetos pedagógicos que podem ser desenvolvidos nesse aspecto, o Projeto Égide doou ao NTE – Abaetetuba, uma impressora 3D. Criado em 2020, o Projeto Égide, adquiriu este equipamento para a fabricação de máscaras do tipo Face Shield, no início da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), com o objetivo de doá-las para profissionais que atuam em hospitais da Região Metropolitana de Belém e em outros municípios paraenses.

Com o fim da demanda, o grupo decidiu que a impressora deveria continuar servindo a comunidade e, dessa forma, ficou definido que seria destinada para ações educacionais. Além de ser utilizada no projeto de robótica, o equipamento será utilizado em outras iniciativas com a comunidade, que vão desde a produção de material didático-pedagógico aos professores e alunos, além de projetos interdisciplinares na área de sustentabilidade e ecologia.

OLIMPÍADA BRASILEIRA DE ROBÓTICA – Considerado o maior evento de robótica da América Latina que ocorre desde 2007, a Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR) é uma das competições científicas que usa a temática eletrônica com o intuito de incentivar os jovens às carreiras científico-tecnológicas. A iniciativa também busca identificar estudantes com potencial para essa área de pesquisa e promover debates sobre atualizações no processo educacional brasileiro.

Em 2019, o campeonato reuniu cerca de 204 mil participantes e 5 mil equipes de todos os estados do país e este ano, devido a pandemia da Covid-19,  o modo prático será virtual e dividido em duas categorias. A etapa regional da Modalidade Simulação está prevista para ocorrer entre os dias 30/07 a 14/08. Já na Modalidade Apresentação, o período de inscrições e envio dos vídeos é de 01/04 a 16/06, e o processo avaliativo ocorrerá entre os dias 01/07 a 30/07. Os vencedores nas duas categorias se encontram na etapa nacional, nos dias 11 a 15 de novembro.

A OBR é apoiada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Ministério da Educação (MEC) e Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), além de contar com o suporte da Sociedade Brasileira de Computação (SBC) e RoboCup Federation.(Ascom/Seduc).

Comentários

Mais

Marabá começa a vacinar a população com mais de 40 anos no sábado

Marabá começa a vacinar a população com mais de 40 anos no sábado

Mais uma importante faixa etária, que representa grande parcela da população adulta em geral, será finalmente imunizada contra a covid-19…
Do tradicional ao moderno, Marabá é referência em festa junina

Do tradicional ao moderno, Marabá é referência em festa junina

Fogueira, bandeirinhas, quadrilhas e roupas xadrez e floridas. Pelo segundo ano consecutivo o tradicional festejo junino que acontece por todo…
Sefa apreende 12.500 vidros de palmito

Sefa apreende 12.500 vidros de palmito

Servidores da Secretaria da Fazenda do Pará (Sefa), lotados na Coordenação de Mercadorias em Trânsito de Carajás, com sede em…
Falta de médicos no HMM repercute na Câmara

Falta de médicos no HMM repercute na Câmara

A constante falta de médicos em plantões no Hospital Municipal de Marabá (HMM) foi o tema mais debatido na sessão…
Lojas, escolas e até crossfiteiros capricham no arraiá de Parauapebas

Lojas, escolas e até crossfiteiros capricham no arraiá de Parauapebas

O Dia de São João é comemorado nesta quinta-feira (24) e Parauapebas entrou com tudo no clima junino de diferentes…
Prefeitura de Curionópolis lança o programa "Obras por toda a cidade"

Prefeitura de Curionópolis lança o programa "Obras por toda a cidade"

A Prefeitura de Curionópolis lança, nesta quinta-feira (24), o programa “Obras por toda cidade”. A cerimônia acontece às 16 horas…