Correio de Carajás

Policial Militar do MA é preso em Redenção tentando fraudar concurso

O PM foi preso com um documento supostamente falsificado
O PM foi preso com um documento supostamente falsificado
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Um policial militar do Maranhão foi preso neste domingo, 6, em Redenção, região sul paraense, acusado de tentativa de fraude no concurso público da Polícia Militar do Pará. Segundo a polícia do estado, ele teria realizado o exame no lugar de um candidato inscrito no certame, caracterizando o crime de falsidade ideológica. As provas do referido concurso foram realizadas na tarde de domingo em Belém, Altamira, Itaituba, Marabá, Redenção e Santarém.

A Polícia Militar de Redenção obteve informações junto ao Núcleo de Inteligência de Marabá, da tentativa de fraude no certame, que visa o preenchimento de 2.310 vagas para praças da Polícia Militar do Estado do Pará. Uma guarnição policial montou campana nas proximidades da Escola Carlos Ribeiro, situada no setor Serrinha, local onde ocorreu a tentativa frustrada de dolo no concorrido exame.

Comprovante de inscrição no certame contém foto de outra pessoa
Comprovante de inscrição no certame contém foto de outra pessoa

A guarnição policial abordou o suspeito após a realização da prova. Os policiais constataram se tratar de Alan Jonathas Reis Nery, soldado da PM do Maranhão, lotado no 12° Batalhão da Polícia Militar, em Estreito, distante 750 km de São Luís, capital maranhense. Na tentativa de fraudar o referido certame, ele estaria se passando por Eriberto Carneiro dos Santos Júnior, 25 anos, natural do Maranhão. Até o fechamento dessa reportagem ele não havia sido localizado pelos policiais.

Leia mais:
Armas, munições e documentos foram apreendidos com o suspeito de tentar fraudar o exame
Armas, munições e documentos foram apreendidos com o suspeito de tentar fraudar o exame

Os policiais prenderam o acusado em flagrante e apreenderam com ele uma pistola Taurus, calibre 40, pertencente à PM do Maranhão; um carregador de pistola; nove munições calibre 40 intactas; um automóvel Honda City; documentos de identificação supostamente falsificados; um comprovante de inscrição no concurso da PMPA; um par de óculos de sol e um caderno de questões do exame. Ele se encontra detido, em Redenção, e responderá pelo crime de falsidade ideológica, podendo ser expulso da corporação. (Delmiro Silva)

Comentários

Mais

Adolescente morre esmagado por “Carreta Furação” em Marabá

Adolescente morre esmagado por “Carreta Furação” em Marabá

Um adolescente de apenas 14 anos de idade morreu esmagado pela Carreta Furação ou “Trem da Alegria”, na noite desta…
Automóvel roubado em Goiânia em 2015 é recuperado em Redenção

Automóvel roubado em Goiânia em 2015 é recuperado em Redenção

Um automóvel com registro de roubo em Goiânia-GO desde 2015 foi recuperado pela Polícia Militar durante ronda ostensiva em Redenção,…
Criança de 5 anos é assassinada com tiro na cabeça em Santana

Criança de 5 anos é assassinada com tiro na cabeça em Santana

Uma criança identificada como Ana Júlia Pantoja, de 5 anos, morreu no fim da tarde desta quarta-feira (15) após levar…
Operação na Vila do Rato prende traficantes do PCC

Operação na Vila do Rato prende traficantes do PCC

Na última terça-feira (15), a 1ª Companhia Independente de Missões Especiais (CIME), realizou uma operação na Vila Canaã (popular Vila…
Rapaz é morto a tiros no quintal de casa

Rapaz é morto a tiros no quintal de casa

No final da manhã de terça-feira (14) dois homens em uma motocicleta modelo Pop chegaram na frente da residência de…
Polícia vê mistério em corpo achado em tanque de combustível

Polícia vê mistério em corpo achado em tanque de combustível

Um assassinato bárbaro foi descoberto em Marabá nesta quarta-feira (15). O corpo de Genilson dos Santos Souza, que estava desaparecido…