Correio de Carajás

DEAM Virtual: Ferramenta Essencial para o Combate à Violência Contra a Mulher no Pará

A Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher Virtual (DEAM Virtual), canal virtual criado para ajudar mulheres vítimas de violência doméstica, familiar ou em relações íntimas de afeto já começa a atender demandas no Estado do Pará, 24h por dia.

As denúncias podem ser feitas em qualquer localidade do Estado, clicando no serviço “DEAM Virtual”, no site da Polícia Civil do Pará (www.pc.pa.gov.br). A ferramenta permite à vítima registrar ocorrências, solicitar medidas protetivas de urgência, e acessar serviços como perícias e suporte sem precisar sair de casa.

A ferramenta faz parte da Diretoria de Atendimento a Grupos Vulneráveis da Polícia Civil e surge como resposta à necessidade de ampliar o acesso aos serviços de proteção às mulheres, uma vez que, a violência de gênero é um crime que preocupa em todo o país.

Leia mais:

“Com essa iniciativa nós queremos facilitar o acesso e suporte às mulheres paraenses em qualquer lugar do Estado. Esse é mais um meio para o enfrentamento da violência de gênero, que oferece uma forma mais rápida para que os órgãos de segurança tenham conhecimento sobre qualquer agressão ou qualquer ameaça que as mulheres estejam sofrendo”, pontuou a delegada Nadiana Dahas, titular da DEAM Virtual.

O canal de segurança complementa outros meios de denúncia existentes, como o número 181, que garante a qualquer pessoa denunciar casos de violência contra a mulher anonimamente e gratuitamente; a Inteligência Artificial e Anônima chamada “Iara” pelo número de whatsapp (91) 8115-9181; as vítimas também podem recorrer ao número 190 ou buscar atendimento presencial nas Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher (Deam) distribuídas pelo Estado.

A DEAM Virtual é um passo importante que garante, com facilidade, o acesso à justiça e ao suporte necessário para as mulheres em situação de risco, permitindo uma intervenção mais rápida e eficaz por parte das autoridades competentes.

(Agência Pará)