Correio de Carajás

Criança se perde em matagal e polícia é acionada para procurar

Uma criança de dois anos de idade passou mais de duas horas perdida em uma área de matagal na periferia da cidade de Goianésia do Pará. Por meio da intervenção de uma guarnição do 37º Pelotão de Polícia Militar, a vítima foi resgatada com pequenas escoriações.

No início da tarde desta quarta-feira (20), o comando do 37º PEL recebeu um pedido de ajuda do pai, Anderson Santos Rodrigues, afirmando que seu filho de dois anos, estava desaparecido. De acordo com a versão dele, a criança brincava próximo à residência familiar, localizada na Rua Itália, Bairro Itamaraty, quando desapareceu. As buscas foram iniciadas logo em seguida por familiares e amigos, os quais não conseguiram localizar a criança e, então, resolveram ir atrás de ajuda dos policiais.

A guarnição, composta pelo segundo sargento Ribeiro, pelos sargentos Bitencourt e Coimbra, e ainda pelo cabo Couto, foi ao local e, após mais de 40 minutos, conseguiu localizar a criança em uma área de mata. “A equipe de serviço, com experiência e expertise, refez os passos que a criança possivelmente seguiu para brincar ali perto e, com a ajuda de vizinhos, ela foi encontrada após 40 minutos, apresentando alguns arranhões pelo corpo, possivelmente causados pelo mato, em um local conhecido pelos moradores das redondezas como uma horta, que tem passagem para um matagal”, explica o tenente Veridiano, comandante do 37º PEL. (Antonio Barroso)

Leia mais: