Corpo de Shaolin ficou exposto à curiosidade pública depois da troca de tiros/Foto: Ronaldo Modesto

Após assaltar uma mulher e roubar a moto dela, uma dupla de assaltantes teria tentado enfrentar uma equipe da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas da Polícia Militar (Rocam) a tiros e um dos acusados acabou morto. A vítima, Rodrigo Alencar, que era conhecido como ‘Shaolin’, de 19 anos, era o da garupa da moto e foi ele quem teria atirado contra os policiais.
O caso aconteceu por volta 20 horas de quinta-feira (9), no cruzamento da Rua Tancredo Neves com a Rua Tocantins, no bairro Rio verde, em Parauapebas. De acordo com o cabo Baia, da Rocam, sua guarnição fazia ronda pela Praça do Cidadão, quando foi aborda por uma mulher, que pediu ajuda, dizendo que havia acabado de ser assaltada por uma dupla de criminosos, que ameaçaram com uma arma e levaram a moto, uma Bros de cor vermelha.
“Ela contou que seguia pela Sol Poente, levando sua mãe na garupa, e quando se aproximou da Rua São Francisco, no Bairro da Paz, dois elementos que seguiam a pé apontaram uma arma para ela e a obrigaram a parar. Eles pegaram a moto e fugiram. Ela então conseguiu carona de uma pessoa, que presenciou o crime, e quando estava indo para a delegacia encontrou com nossa guarnição e pediu ajuda. A vítima passou todas as informações do veículo e as características dos bandidos”, relata o policial.
Ainda de acordo com o cabo, com base nas informações, eles traçaram mais ou menos a rota que os bandidos iriam fazer, uma vez que tinham certeza de que o objetivo deles era usar o veículo para cometer mais assaltos, como ainda fizeram. “No trajeto eles atacaram duas pessoas, de quem roubaram os celulares, inclusive fazendo disparo em um dos casos”, detalha o militar.
Ele relata que quando os bandidos passaram na Rua do Comércio, pouco mais de 300 metros do local onde tomaram a moto da mulher, deram de cara com sua guarnição da Rocam, que os reconheceu pelas caraterísticas passadas pela vítima. “Fizemos o acompanhamento da dupla e, depois de algum tempo, demos ordem para que parassem, mas eles não obedeceram e seguiram em fuga. Quando se aproximaram dos cruzamentos das ruas Tancredo Neves com a Tocantins, o da garupa sacou uma arma de fogo e efetuou um disparo contra nossa guarnição, que revidou”, afirma o cabo.
Com os disparos, a dupla acabou caindo da moto, quando foi feita a abordagem e constatado que o garupa havia sido alvejado. Foi chamado socorro ao ferido, mas ele morreu ainda no local. O piloto da moto, que é menor de idade, foi conduzido e apresentado na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil.
De acordo com o policial, a dupla havia sido presa não fazia 20 dias. “Eles foram soltos e olha só, voltaram a cometer roubo novamente. Isso até nos revolta, porque a gente prende e não demora eles estão novamente nas ruas cometendo os mesmos crimes”, pontua o cabo. (Tina Santos –com informações de Ronaldo Modesto)

ROMANCE FAVORITA
FUTURO HORIZONTAL
TH SITES HORIZONTAL
RADIO CORREIO HORIZONTAL
DEPNEUS