Foto: reprodução

Ramisson de Souza Ribeiro, de 36 anos, até foi criativo para tentar escapar de retornar ao Centro Regional de Recuperação Agrícola Mariano Antunes (Crama), onde cumpre pena. A desculpa dada aos policiais militares, no entanto, não funcionou.

FUTURO POSTAGEM
ALICERCE

Na noite de ontem, quarta-feira (8), por volta das 21 horas, ele foi abordado à altura do Km 11, na Rodovia Transamazônica (BR-230), entre Marabá e Itupiranga, próximo ao presídio.  Ao passarem por ele, policiais notaram que ele estava suado e decidiram verificar a situação.

Sem documento de identidade, Ramisson se apresentou como Wanderson Souza e alegou que havia deixado o presídio em razão da saída temporária do Dia dos Pais, benefício concedido pela Justiça a alguns presos nesta época.

Quando os militares foram checar a informação, no entanto, identificaram Ramisson pelo nome verdadeiro e constataram que ele havia fugido do regime semiaberto do presídio. Ele foi apresentado na 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil, onde ocorrência foi registrada, antes de retornar ao Crama.

O Portal Correio de Carajás divulgou ontem, quarta-feira (8), que inicialmente 57 detentos de presídios de Marabá receberam o benefício judicial. O balanço parcial aponta que em todo o estado do Pará, 1.584 presos do regime semiaberto terão o direito ao benefício.  No total geral de presos, 1.127 beneficiados são da Região Metropolitana de Belém e 457 do interior do Estado.

Eles começaram a deixar os presídios na última segunda-feira, dia 6, com previsão de retorno na próxima segunda, dia 13. (Luciana Marschall – com informações de Elson Gomes)

RADIO CORREIO HORIZONTAL
DEPNEUS
TH SITES HORIZONTAL
ROMANCE FAVORITA
FUTURO HORIZONTAL