Com 14 músicas selecionadas, acontece nesta sexta-feira, dia 20, a I Mostra de Música – Sesc em Marabá, evento de divulgação da música autoral da cidade.  O objetivo é que o evento seja um grande encontro entre músicos profissionais e novos talentos. As apresentações são iniciadas às 19 horas, com o tema de abertura da Mostra executado por Ronny Silva. O encerramento fica por conta do show do marabaense Clauber Martins.

TH SISTEMAS
FUTURO POSTAGEM
ALICERCE

Os artistas selecionados foram Ayla Marques (Canção da Alma), Tom Gonçalves (Pesadelo), Rainner Cronn (Sonhos Infinitos), Heitor Calazans (Eddie Dean), Banda Filhos da Promessa (A esperança – Markeon Dheyg), Euclides Souza (Só precisa de você – Wendy Assunção), Javier Di Mar-y-abá (Fetiche), Jonas rodrigues (Tempos bons – Jonas Rodrigues e Antônio Castro), Jefferson França (Cantiga sertaneja), Bruno Xavier (Revoada), Shelldon (Just say yes), Charles Vitor (Será), Banda LUI (Depois da Chuva – Letícia Portela) e Itamara Castro (Agora sou mais eu – Wildson Barros).

A mostra foi aberta para compositores, intérpretes e bandas, profissionais ou amadores, desde que as músicas fossem de autoria de compositores locais. “Este evento foi pensado em comemoração ao Dia do Comércio, permitindo aos comerciários e quaisquer outras pessoas poderem mostrar o trabalho delas. Teremos, inclusive, uma banda de apoio e músicos para fazerem arranjos das músicas, então podem ser inscritas mesmo versões ainda não totalmente finalizadas”, explicou Zhumar de Nazaré, coordenador de Cultura do Sesc. A mostra não é competitiva e não oferece premiações. A entrada é franca (Luciana Marschall)

Com 14 músicas selecionadas, acontece nesta sexta-feira, dia 20, a I Mostra de Música – Sesc em Marabá, evento de divulgação da música autoral da cidade.  O objetivo é que o evento seja um grande encontro entre músicos profissionais e novos talentos. As apresentações são iniciadas às 19 horas, com o tema de abertura da Mostra executado por Ronny Silva. O encerramento fica por conta do show do marabaense Clauber Martins.

Os artistas selecionados foram Ayla Marques (Canção da Alma), Tom Gonçalves (Pesadelo), Rainner Cronn (Sonhos Infinitos), Heitor Calazans (Eddie Dean), Banda Filhos da Promessa (A esperança – Markeon Dheyg), Euclides Souza (Só precisa de você – Wendy Assunção), Javier Di Mar-y-abá (Fetiche), Jonas rodrigues (Tempos bons – Jonas Rodrigues e Antônio Castro), Jefferson França (Cantiga sertaneja), Bruno Xavier (Revoada), Shelldon (Just say yes), Charles Vitor (Será), Banda LUI (Depois da Chuva – Letícia Portela) e Itamara Castro (Agora sou mais eu – Wildson Barros).

A mostra foi aberta para compositores, intérpretes e bandas, profissionais ou amadores, desde que as músicas fossem de autoria de compositores locais. “Este evento foi pensado em comemoração ao Dia do Comércio, permitindo aos comerciários e quaisquer outras pessoas poderem mostrar o trabalho delas. Teremos, inclusive, uma banda de apoio e músicos para fazerem arranjos das músicas, então podem ser inscritas mesmo versões ainda não totalmente finalizadas”, explicou Zhumar de Nazaré, coordenador de Cultura do Sesc. A mostra não é competitiva e não oferece premiações. A entrada é franca (Luciana Marschall)

ROMANCE FAVORITA
PIZZARIA O SEGREDO DO CHEFF
RADIO CORREIO HORIZONTAL
DEPNEUS
FUTURO HORIZONTAL
TH SITES HORIZONTAL

Comentários